Mato Grosso

Alunos fazem gincana para arrecadar fraldas geriátricas e doam ao Lar dos Idosos

Publicado

A Escola Estadual Rui Barbosa, localizada no Distrito de Monte Castelo, em Glória D’Oeste (312 km a Oeste da Capital), realizou a entrega de mais de 70 fraldas geriátricas arrecadadas durante uma gincana realizada entre os estudantes. O Lar dos Idosos Santa Rita de Cássia, na cidade vizinha de São José dos Quatro Marcos, foi agraciado com as fraldas.

Na gincana, a principal prova era arrecadar o maior número de fraldas. No final, tudo que as equipes conseguiram arrecadar foi entregue para o Lar dos Idosos. A entrega ocorreu na última quarta-feira (18.09).

Participaram da gincana, ao menos 100 alunos, sendo 50 do ensino fundamental e 50 do ensino médio. Os estudantes se emocionaram com a ação beneficente.

Participante do time vermelho, a estudante Helena Vitória da Silva, do 6º ano, disse que foi um gesto bonito por parte da escola, pois além de tirar um pouco dos alunos da sala de aula, ajudaram ao próximo. “Foi muito divertido e emocionante, porque fizemos a entrega e brincamos, cantamos e levamos um pouco de carinho a eles”, assinala.

Leia mais:  Servidores da Setasc participam de roda de conversa sobre prevenção do Câncer de Mama

Além da coleta de fraldas, a gincana teve teste de Quiz –  um jogo que fez a avaliação dos conhecimentos sobre assuntos das disciplinas estudadas pelos alunos – que movimentou as duas equipes.

Outro participante da gincana que também comemorou o resultado, foi o estudante do 9º ano Wilson Marcelo. No entendimento dele, a gincana, além de arrecadar produtos para quem precisa, ajudou na aprendizagem. Ele acertou todas as questões sobre os trechos dos livros selecionados pelos organizadores. “É muito interessante essa interação com os idosos”, frisa.

Segundo a diretora Halassi Nunes, a gincana é um dos eventos anuais da Escola e foi realizada no dia do estudante. A ideia de arrecadar fraldas foi da coordenadora pedagógica Oslaine Palermo e aceita pelos participantes. Na viagem entre Glória D’Oeste e Quatro Marcos, participaram os alunos das duas equipes, que fizeram questão de estar presentes na entrega dos produtos aos idosos.

“Realizamos uma gincana estudantil educativa de conhecimento cultural, histórico e social. No fim quem ganhou foi a solidariedade e o empenho dos estudantes com arrecadação de várias fraldas. Na entrega, os alunos fizeram um chá da tarde com os idosos compartilhado com muita emoção”, ressalta.

Leia mais:  Sema apreende 108 kg de peixes e apetrechos proibidos em Porto Alegre do Norte e Confresa

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Governo simplifica acesso de produtores e veterinários a guia de trânsito animal

Publicado

O Governo do Estado lançou nesta segunda-feira (04.11) a Guia de Trânsito Animal eletrônica. A medida vai permitir que produtores rurais possam realizar a operação de movimentação rodoviária de bovinos e bubalinos dentro do território mato-grossense, para finalidade de engorda e reprodução, da própria fazenda, sem a necessidade de se deslocar até uma unidade do Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea-MT).

A GTA eletrônica também facilitará que os médicos veterinários habilitados emitam a guia online  para abate e engorda de suínos, dentro do Estado.

“O nosso papel precisa ser o de desburocratizar, facilitar a vida do produtor, da população, de quem movimenta esse Estado. Essa é uma atitude simples, mas muito relevante para quem vive na atividade desse setor”, destacou o governador, lembrando que somente no ano passado foram mais de 700 mil GTAs emitidas no Estado.

“Isso significa dizer que essa foi a quantidade de atendimento, de pessoas que tiveram de procurar a nossa unidade do Indea, durante o horário comercial, durante cinco dias na semana, para que ele pudessse obter essa guia de transporte animal. É uma ação simples, mas impactante para facilitar a vida das pessoas, já que o setor produtivo não está limitado aos dias úteis e aos cinco dias da semana. Ele trabalha nos feriados, a noite se transporta e se produz. Ao criar esse mecanismo, nós estamos caminhando na missão que traçamos que é de simplificar, desburocratizar e fazer com que as ações sejam tratadas sob o âmbito digital, facilitando o serviço do governo e diminuindo o seu custo, mas acima de tudo, ajudando o cidadão”, destacou.

Leia mais:  Festival Tudo Sobre Mulheres promove debate sobre gênero e atuação da mulher no audiovisual brasileiro

O secretário de Desenvolvimento Econômico, César Miranda, ressaltou que além de ser um anseio e um clamor de toda a classe produtora, o fato do produtor e do médico veterinário poderem emitir a guia de qualquer lugar, só precisando de acesso à internet, “vai reduzir a burocracia, com o viés que o governador tem implantado desde o início de janeiro de 2019, de simplificar o ambiente de negócio, para que o empreendedor, produtor e industrial venham para Mato Grosso e se mantenham aqui”.

Miranda fez questão de destacar que o sistema acompanha todas as normas nacionais e internacionais sanitárias, para dar segurança ao produtor e aos compradores dos produtores mato-grossenses.

A abertura desse procedimento fora da rede física do Indea somente foi possível em virtude da segurança oferecida pelo Sistema Informatizado, mantendo os aspectos relacionados à integridade dos registros frequentemente auditados por organismos internacionais, interessados na importação de produtos com procedência e certificação sanitária à altura de seus consumidores.

“Todo o setor produtivo está comemorando isso, essa mobilidade que ganhamos. Os pecuaristas terem essa possibilidade é uma desburocratização imensa. Essa era a nossa principal reclamação”, destacou a diretora-executiva da Acrimat, Daniela Bueno.

Leia mais:  Sema divulga Boletim de Balneabilidade 2019; cinco locais estão impróprios ao banho

O vice-presidente da Famato, Francisco Castro, também ressaltou a importância dessa ação para o setor. “Estou feliz de chegar esse momento em Mato Grosso. Somos 93 sindicatos rurais à disposição para o pecuarista poder fazer sua guia e também para ele aprender. Temos o Senar também, que irá fazer esse trabalho de ajudar e ensinar o pecuarista. Vamos fazer isso com muito gosto, pois agora podemos emitir isso dentro da fazenda”, frisou.

Um dos pontos destacados pelo representante do Ministério da Agricultura, José de Assis, sobre a liberação dessa guia, foi a evolução do Indea e da política para o setor agrícola em Mato Grosso. “É uma satisfação acompanhar essa evolução e desenvolvimento do setor produtivo. Nós estamos caminhando para um processo em Mato Grosso de facilitar a vida do produtor. Isso nos tranquiliza e estamos avançando para novas conquistas”, pontuou.

Parceria

O sucesso desse trabalho é fruto de uma parceria entre o setor produtivo e o Governo. Entre os parceiros estão o Fundo Emergencial de Saúde Animal (Fesa-MT), Fundo de Sanidade e Desenvolvimento da Suinocultura (FSDS), Sindicato das Indústrias de Frigoríficos do Estado de Mato Grosso (SINDIFRIGO), Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (FAMATO), Associação dos Criadores de Gado de Mato Grosso (ACRIMAT) e Associação Mato-grossense dos Criadores de Ovinos (OVINOMAT).

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Secel abre consulta pública para o Plano Estadual de Esporte e Lazer

Publicado

A Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) abriu consulta pública para construção do plano estadual que norteará as políticas públicas de esporte e lazer do Estado nos próximos anos. Os interessados em participar da formulação têm até o dia 1º de dezembro para apontar suas contribuições e comentários.  O Plano e o formulário de consulta estão disponíveis em: colab.esportes.mt.gov.br, uma plataforma criada para ampliar a participação social nos processos da pasta.

“O Plano Estadual de Esporte e Lazer é uma demanda desde 1999. E neste ano, nessa nova gestão, começamos a construí-lo. Elaboramos o documento, já enviamos para análise do Conselho Estadual do Desporto (Consed) e agora está disponível para receber sugestões externas. Após tudo isso,vamos ainda debatê-lo em audiência pública para que assim o plano seja finalizado e comece a ser implantado”, explica o secretário adjunto de Esporte e Lazer da Secel, Jefferson Carvalho Neves.

Com foco na democratização de práticas esportivas e de lazer para toda a sociedade mato-grossense, o plano busca estabelecer avanços na criação de espaços de práticas esportivas e na valorização dos profissionais da área. Além disso, tem o objetivo de promover um debate sobre o esporte e lazer enquanto política pública, como direito de todo cidadão.

Leia mais:  Fapemat orienta Politec sobre financiamento público de projetos de pesquisa

A proposta inicial do documento está dividida em sete eixos: esporte e educação, esporte de rendimento, iniciação esportiva, esporte de participação, esporte de inclusão, profissionais e estruturas de esporte e lazer. Os interessados também poderão sugerir alterações nas metas propostas no plano.

Para o titular da Secel, Allan Kardec, a construção do plano estadual simboliza um importante passo para democratizar o  acesso ao esporte e ao lazer, atendendo um anseio antigo da sociedade mato-grossense. 

“Pela primeira vez, Mato Grosso terá seu plano de esporte e lazer. Promover essa elaboração conjunta é um marco para nossa gestão. Essa consulta permite a participação de todos os segmentos de forma democrática e transparente. Junto com a sociedade, vamos construir políticas e ações de fomento e melhorias da cidadania esportiva e de lazer no Estado”, arremata Kardec.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana