Polícia MT

NOTA DE FALECIMENTO

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil comunica o falecimento do policial civil aposentado, Antonio Greve, 92 anos, nesta segunda-feira (04.11), no município de Mirassol D’Oeste. O corpo do senhor Antonio Greve está sendo velado na Pax Mirassol, em Mirassol D’Oeste.

O policial civil aposentado deixa filhos, netos e muito amigos.

 

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil prende suspeitos de atuarem em pelo menos 10 roubos a residência na Capital
publicidade

Polícia MT

Suspeito com várias passagens é preso com R$ 2,3 mil furtado de interior de veículo

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um dos autores de um furto qualificado ocorrido em Várzea Grande foi preso, na manhã desta quarta-feira (04.12), horas depois do crime, em ação da Polícia Judiciária Civil, realizada por meio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município.

Com várias passagens pela polícia e monitorado por tornozeleira eletrônica, Douglas Junior Santos, 27, foi autuado em flagrante pelos crimes de associação criminosa e furto qualificado mediante concurso de pessoas e fraude.

As diligências iniciaram na tarde de terça-feira (03), após o furto cometido no interior de um veículo Hilux., ocasião em que vítima deixou a caminhonete no estacionamento de uma empresa na Avenida da Feb,

Ao retornar ao veículo, a vítima constatou que a Hilux estava com as portas destravadas e o interior do veículo todo revirado, sendo subtraído a quantia em dinheiro de R$ 6,2 mil, uma bolsa com roupas, uma impressora digital avaliada em cerca de R$ 2,6 mil e um notebook da marca Sony avaliado em torno de R$ 2,6 mil.

Leia mais:  Polícia Civil prende suspeitos de atuarem em pelo menos 10 roubos a residência na Capital

Iniciadas as diligências, os policiais da Derf-VG tiveram acesso as imagens captadas por câmeras de segurança do local, sendo possível identificar o momento em que três indivíduos se aproximam em um carro modelo Gol de cor branca.

Utilizando um dispositivo com controle remoto para desbloquear a trava do veículo, os suspeitos abriram a caminhonete e furtaram os objetos. Em checagem no sistema, foi verificado que o veículo utilizado no crime pertencia ao suspeito, Douglas Junior Santos, que também aparece nas imagens praticando o furto.

De posse das informações, os investigadores da Derf-VG lograram êxito em localizar o suspeito, que no momento da abordagem, usava a mesmas roupas mostradas no vídeo. Com ele, foi apreendido aproximadamente R$ 2,3 mil, referente a parte do valor furtado do interior da Hilux, além de três dispositivos de controle remoto (equipamento usado para bloquear sinal de trava de veículos) conhecido como “Chapolin”.

Diante do flagrante, o suspeito foi encaminhado para Derf-Várzea Grande e durante interrogatório, confessou a autoria do furto mediante o uso do dispositivo bloqueador de trava. O preso alegou que trabalha como motorista de aplicativo e encontra-se em liberdade condicional mediante uso de tornozeleira eletrônica, porém havia rompido o dispositivo há algum tempo.

Leia mais:  Polícia Civil promove mudanças em diretoria e regional do interior

Após a confecção dos autos, o autuado foi encaminhado para Cadeia Pública ficando à disposição da Justiça.

As investigações continuam com objetivo recuperar os produtos, identificar e prender os outros dois envolvidos no crime.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia MT

Polícia Civil autua falso arquiteto por exercício ilegal da profissão

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homem que atuava como arquiteto sem a devida formação para a função teve a atuação ilegal descoberta em trabalho integrada do Delegacia Especializada do Consumidor (Decon) e do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Estado de Mato Grosso.

O suspeito, C.S.S., de 36 anos, prestou esclarecimentos na Decon, na terça-feira (03.12), e responderá a Termo Circunstanciado de Ocorrência, por exercício ilegal da profissão, previsto no artigo 47 da Lei de Contravenções Penais.

O falso arquiteto passou a ser investigado após o Conselho de Arquitetura e Urbanismo receber várias denúncias de que o suspeito oferecia cursos online, em que ensinava pessoas a fazerem o projetos de arquitetura sem a necessidade de um profissional especializado na área.

Segundo as apurações, o investigado possuía um canal o Youtube e um site, onde oferecia os cursos do programa “Revit” pelo valor de R$ 99, afirmando que qualquer pessoa estava apta para montar um projeto. Nos vídeos, o investigado ensinava passo a passo de como mexer no programa.

Interrogado pelo delegado, Antonio Carlos de Araujo, o suspeito confessou que curso 6 semestres de arquitetura, porém não concluiu o curso na faculdade.

Leia mais:  Polícia Civil promove mudanças em diretoria e regional do interior

Ele afirmou que é professor de BIM (Modelagem da Informação da Construção) software programado para desenhos arquitetônicos, possuindo curso ofertado pela empresa fabricante do software.

Ficando evidenciada a atuação irregular, o falso arquiteto responderá a Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por exercício ilegal de profissão ou atividade (conforme Lei das Contravenções Penais – 3.688/41 – relativas à organização do trabalho).

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana