Economia

Paraíba será contemplada com fundo de incentivo à agricultura familiar

Publicado

O Território da Borborema, na Paraíba, foi escolhido como um dos novos pontos de implementação do Fundo Competitivo do Projeto Innova AF, de incentivo à produção de agricultores familiares no âmbito da América Latina. As entidades à frente da iniciativa são o Instituto Interamericano da Cooperação para a Agricultura (IICA) e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), vinculado à Organização das Nações Unidas (ONU).

O propósito é viabilizar propostas que incorporem métodos inovadores, que potencializem tanto a atividade econômica como a sustentabilidade do modelo de produção diante das mudanças climáticas. Além do Brasil, territórios de outros sete países (Bolívia, Colômbia, Equador, Guatemala, Honduras, México e República Dominicana) poderão participar do programa, lançado hoje (10), em Brasília.

Estima-se que, ao todo, 2,5 mil pessoas sejam beneficiadas pela nova fase do Innova AF. Desse total, um quarto deverá ser de povos originários.  

O coordenador do projeto, Miguel Altamirano, ressalta que um dos objetivos é frear o êxodo rural da parcela mais jovem desses locais que, na falta de oportunidades, não vê, muitas vezes, outra saída senão partir para as grandes cidades. Outra meta da iniciativa, diz ele, é estimular uma gestão participativa do conhecimento. Na sua avaliação, esses fatores são capazes de consolidar uma “identificação territorial”.

Leia mais:  Prévia da inflação de agosto desacelera em 0,08%
lavoura agricultura familiar

Propostas para concorrer ao fundo devem apresentar métodos inovadores e sustentáveis – Elza Fiúza/Agência Brasil

Paraíba

Com pouco mais de 5 mil habitantes e renda média mensal de 1,4 salários mínimos, Alagoa Nova é um dos 21 municípios brasileiros que deverão sentir o impacto da ação. O Território da Borborema tem uma área de 3.341 quilômetros quadrados e inclui Campina Grande, importante polo industrial e universitário do país.

Também integram o território os municípios de Algodão de Jandaira, Arara, Areia, Areial, Borborema, Casserengue, Esperança, Lagoa Seca, Massaranduba, Matinhas, Montadas, Pilões, Puxinanã, Queimadas, Remígio, São Sebastião de Lagoa de Roça, Serra Redonda, Serraria e Solânea. Na região, firmou-se o cultivo de hortaliças, no âmbito da agricultura familiar. Nessas localidades, a estiagem pode durar de cinco a seis meses do ano.

Critérios e diretrizes adicionais

A regra é que cada país seja contemplado com a aprovação de uma proposta, que irá dispor de um orçamento de até R$ 440 mil. O aporte do fundo garantirá até 60% do custo total e a organização responsável pela proposta deverá aplicar os 40% restantes. O formato permite que, como contrapartida, a organização selecionada cubra a parte de insumos e pessoal técnico, por exemplo.

Outra especificação estabelecida diz respeito à duração. As organizações escolhidas terão três meses para sistematizar o funcionamento das ações e 15 meses para executá-las. O prazo para inscrever propostas começa na segunda-feira (16) e termina no dia 16 de outubro.  

Além disso, poderão participar do processo instituições provenientes de países diferentes dos oito onde serão implantados os projetos. A única exigência é que, se houver alguma nessa condição, apresente uma proposta para implementar nos territórios definidos pelo IICA e pelo Fida.

O Innova AF teve início em julho do ano passado e deve ser concluído em setembro de 2021. O projeto tem contrapartidas financeiras do Centro Agronômico Tropical de Pesquisa e Ensino (Catie) e do Centro de Cooperação Internacional em Pesquisa Agronômica para o Desenvolvimento (Cirad).

Edição: Denise Griesinger

Fonte: EBC Economia
Comentários Facebook
publicidade

Economia

Trabalhadores buscam agências da Caixa para sacar FGTS e tirar dúvidas

Publicado

No centro da capital federal, trabalhadores aproveitam o sábado para tirar dúvidas e para verificar se já receberam os recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Os repasses dos até R$ 500 começaram a ser feitos ontem (13) pela Caixa Econômica Federal para quem nasceu em janeiro, fevereiro, março ou abril e têm conta poupança no banco. Hoje (14), as agências da Caixa, em todo o país, ficam abertas, das 9h às 15h, para o saque automático do dinheiro.

A trabalhadora autônoma Rosilene da Silva, 52 anos, é uma das beneficiadas. “Vou sanar algumas dívidas, é uma ajuda boa mesmo. Estou inclusive com as minhas contas de água e luz atrasadas”, diz.

A diarista Eliane Lima, 35 anos, também foi à agência para, com o dinheiro do FGTS, garantir o pagamento de algumas contas: “Aparece conta e a gente tem que pagar. Já dá para pagar alguma conta extra”.

O autônomo Marcelo Pereira, 48 anos, foi à agência da Caixa para tirar dúvidas. Ele receberá os recursos somente no dia 27, na próxima liberação, mas já faz as contas do que poderá fazer com o dinheiro. “Vou pagar algumas dívidas, vai ajudar”, afirma.

Leia mais:  Seguro facultativo garante benefícios do INSS a quem não tem emprego

Para facilitar o saque, além de abrir neste sábado, a Caixa também vai trabalhar com horário estendido por duas horas nas próximas segunda (16) e terça-feira (17). Assim, as agências, que normalmente abrem às 11h, vão iniciar o atendimento às 9h. Já as que abrem às 10h iniciarão os trabalhos às 8h e as que abrem às 9h atenderão a partir das 8h e terão uma hora a mais ao final do expediente. No caso de agências que abrem às 8h, serão duas horas a mais ao final do expediente normal.

Depósito automático

A Caixa começou a fazer o depósito automático para quem tem conta poupança, seguindo calendário do mês de nascimento. Os próximos a ter acesso ao saque são os nascidos em maio, junho, julho e agosto, no dia 27 de setembro. Em seguida, no dia 9 de outubro, será a vez de os nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro. Os clientes da Caixa que têm conta corrente podem fazer o pedido de crédito por meio dos canais de atendimento.

Leia mais:  Taxa de desemprego no Brasil cai para 11,8% em julho, diz IBGE

Segundo o banco, cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança. Os clientes do banco que não quiserem retirar o dinheiro têm até 30 de abril de 2020 para informar a decisão em um dos canais disponibilizados pela Caixa.

Além das agências bancárias, a Caixa disponibiliza os seguintes canais de atendimento: o aplicativo do FGTS, a página na internet, o Internet Banking Caixa e o telefone 0800 724 2019.   

Para aqueles que não têm conta poupança na Caixa, aberta até o dia 24 de julho de 2019, ou conta-corrente, o calendário começa no dia 18 de outubro, para os nascidos em janeiro, e vai até 6 de março de 2020, para os nascidos em dezembro.

Edição: Graça Adjuto

Fonte: EBC Economia
Comentários Facebook
Continue lendo

Economia

Vendas aumentam 12% em quatro dias na Semana do Brasil

Publicado

Em quatro dias, as vendas no varejo em todo o país registram crescimento nominal de 12%, de acordo com balanço divulgado hoje (14) pela Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) da Presidência da República. O crescimento foi registrado entre os dias 6 e 9 de setembro, no início da campanha Semana do Brasil. De acordo com a Secom, os resultados superaram as expectativas. A Semana do Brasil segue até amanhã (15).

A campanha visa a estimular as compras, com promoções e descontos especiais, gerando resultados positivos para a economia do país. Ao todo, mais de 4,5 mil empresas dos setores varejista, imobiliário, de publicidade e de comunicação participam da iniciativa, como a Empresa Brasil de Comunicação (EBC), empresa pública do governo federal. Esses meios de comunicação veiculam mensagens publicitárias sobre a campanha.

Segundo o levantamento feito pela empresa de serviços financeiros Cielo, para a alta de 12% nas vendas contribuíram os setores de cosméticos, que registraram aumento de 19%; móveis e eletrônicos, com crescimento de 16%; supermercados, com 13%, e vestuário, com 7%. O crescimento foi medido em comparação às médias de dias regulares do primeiro semestre de 2019.

Leia mais:  Vendas aumentam 12% em quatro dias na Semana do Brasil

No setor imobiliário, segundo a Secom, o clima entre os empresários é de otimismo. “Desde o início da campanha, foi registrada uma adesão expressiva de incorporadoras, com mais de 50 empresas anunciando “1 ano de condomínio grátis” apenas na cidade de São Paulo. Houve aumento de visitas aos estandes e vários negócios estão sendo realizados”, diz em nota.

A semana, que aproveita as comemorações do 7 de setembro, data em que se celebra a Independência do Brasil, tem como mote “Vamos valorizar o que é nosso” e é inspirada em campanhas de varejo de outros países, como os Estados Unidos, que costumam realizar promoções em feriados nacionais. A proposta pretende gerar um ambiente de confiança para este e os próximos meses de 2019.

Uma parceria do governo com o Instituto para o Desenvolvimento do Varejo (IDV) ajudou a mobilizar, nos últimos meses, diferentes segmentos do varejo, comércio e serviços, para que buscassem as melhores formas de viabilizar as ações promocionais.

Saiba mais

Leia mais:  Confiança do Comércio cresce 3,2 pontos em agosto
Edição: Graça Adjuto

Fonte: EBC Economia
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana