Polícia MT

PRF flagra motorista dirigindo embriagado na BR-070

Publicado

Teste do etilômetro apontou resultado de 0.97 mg/l (miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões)

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) faziam rondas pela BR-070, em Poconé/MT, por volta das 12h desta quarta-feira (09), quando flagraram um motorista dirigindo embriagado.

O homem de 43 anos transitava com um Corsa, placas de Cuiabá, e os policiais decidiram abordá-lo. O motorista apresentava evidentes sinais de embriaguez, entre eles sonolência. Ele admitiu que havia ingerido bebida alcoólica, relatando que foram apenas duas cervejas em uma confraternização na zona rural.

Porém, o teste do etilômetro indicou que a quantidade de álcool ingerida foi maior, pois o resultado foi 0.97 mg/l (miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões).

Tendo em vista que dirigir sob influência de álcool em concentração superior a 0,30 mg/l corresponde ao crime de embriaguez ao volante, o homem foi encaminhado à delegacia de Polícia Civil de Poconé.

NUCOM PRF MT

Fonte: PRF MT
Comentários Facebook
Leia mais:  De janeiro a agosto, Mato Grosso registra 59 mortes de mulheres
publicidade

Polícia MT

Polícia Civil prende homem que deu apoio a suspeito de duplo homicídio qualificado

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homem envolvido no duplo homicídio que culminou na morte de uma adolescente e do seu pai em Chapada dos Guimarães foi preso pela Polícia Judiciária Civil na sexta-feira (11.10), no município de Diamantino (208 km a Médio Norte da Capital).

Joilson da Guia Gonçalves estava com a ordem de prisão temporária expedida pela Comarca de Chapada dos Guimarães. Ele responde como partícipe no inquérito policial instaurado pela Delegacia de Polícia do município pelos crimes de homicídio qualificado (consumado), sendo uma das qualificadoras o feminicídio e duplo homicídio qualificado (tentado).

Conforme investigação, Joilson da Guia Gonçalves foi quem levou o executor até o local do crime. Na ocasião, o suspeito Luiz Felipe da Silva Alves matou a namorada, o sogro e tentou contra a vida de outras duas pessoas, com uso de arma de fogo.

Ao levar o suspeito em uma motocicleta, Joilson ficou esperando Luiz Felipe da Silva Alves cometer os crimes e em seguida deu fuga ao mesmo.

Com o mandado de prisão temporária decretado, o procurado acabou sendo surpreendido e preso pelos policiais civis na noite de sexta-feira (11), em uma via pública na cidade de Diamantino.

Leia mais:  Cerca de 2 mil pessoas são esperadas no Fetran

Depois de detido, ele foi conduzido para Delegacia de Chapada dos Guimarães, onde foi ouvido pelo delegado Hércules Batista Gonçalves. Após interrogatório, Joilson Gonçalves foi encaminhado para Cadeia Pública do município, onde ficará à disposição da Justiça.

A ação que culminou com a prisão de Joilson foi realizada pela equipe de Chapada dos Guimarães com apoio da Delegacia de Polícia de Diamantino. As diligências continuam com o objetivo de localizar o executor, Luiz Felipe da Silva Alves, que está com mandado de prisão em aberto.

OCORRÊNCIA

O crime aconteceu na noite do dia 05 de setembro deste ano, em uma propriedade agrícola denominada Chácara Santo Antônio, região da Lagoinha de Baixo, município de Chapada dos Guimarães.

Na ocasião, duas pessoas foram mortas, sendo a adolescente Amanda Gabrielly da Silva Belém, 17, namorada do suspeito (caracterizando feminicídio), e o pai dela, Jefeter de Jesus Belém, 37. Outras duas pessoas, parentes das vítimas, também ficaram feridas.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia MT

Polícia Civil cumpre prisão de suspeito de estelionato e uso de documento falso

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homem envolvido em golpes de estelionato e uso de documento falso teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil, nesta segunda-feira (14.10), após ser identificado em investigações da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Barra do Garças (509 km ao Leste da Capital).

O suspeito, Sérgio Alves Souza, conhecido como “Sérgio dos Lotes” teve o mandado de prisão preventiva expedido pela 2ª Vara Criminal de Barra do Garças, com base nas investigações da Derf.

Segundo o delegado, Wilyney Santana Borges, responsável pelas investigações, Sérgio adquiriu uma caminhonete, e como parte do pagamento repassou um cheque falsificado do Banco do Brasil, constando como emitente uma pessoa física que nunca teve conta no referido banco.

Em análise da folha de cheque, constava numeração de conta pertencente a Prefeitura de Pontal do Araguaia, a qual já havia sido encerrada. Com base nos indícios, foi representado pela prisão preventiva do suspeito, pelos crimes de tentativa de estelionato e uso de documento falso, a qual foi deferida pela Justiça e cumprida pela equipe da Derf.

Leia mais:  Polícia Civil prende integrantes de associação criminosa que se passavam por policiais civis para prática de crimes

“O suspeito é investigado na Derf por envolvimento em vários outros crimes e será enacaminhado para audiência de custódia, ainda esta tarde”, destacou Wilyney.

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana