Sinop

Sinop:Júri condena um e absolve dois por assassinato de jovem.

Publicado

Luiz Santos Vieira, 28 anos, foi condenado a quatro anos de reclusão pelo assassinato de Matheus Martines Modanesse, 19 anos. O crime ocorreu em maio de 2015, no bairro Jardim Maria Carolina. A vítima foi atingida por diversas facadas, após ser suspeita de assassinar, momentos antes, Maurício Santos Vieira, 25 anos.

Ontem quinta-feira (07), o réu e mais outros dois acusados foram submetidos a júri popular pelo homicídio. No entanto, para os jurados, apenas Luiz teve envolvimento na morte de Matheus. O júri ainda reconheceu o crime como sendo homicídio simples privilegiado.

Com a decisão do conselho, a juíza Rosângela Zacarkim, da 1ª Vara Criminal, proferiu a sentença condenatória e determinou que a pena seja cumprida em regime aberto. Ainda cabe recurso contra a sentença.

Luiz e os outros dois denunciados pelo crime estavam soltos, desde o ano passado. Eles foram presos em fevereiro de 2016 e a decisão de soltá-los se deu após o cancelamento do júri popular, que estava marcado para o dia 16 de agosto de 2018.

Leia mais:  Jovem é atingido por golpes de chave de fenda em Sinop.

Dois assassinatos foram registrados com intervalo de pouco tempo. O primeiro ocorreu próximo a uma lanchonete, no Jardim das Oliveiras. Maurício Santos Vieira, 25 anos, foi esfaqueado no pescoço e não resistiu. O segundo ocorreu momentos depois, no bairro Jardim Maria Carolina, a menos de 900 metros do local onde foi registrado o homicídio anterior. Matheus foi atingido por mais de dez facadas. O corpo foi localizado em um terreno.

De acordo com o boletim de ocorrência, feito pela Polícia Militar, duas testemunhas disseram ter presenciado toda a situação. Elas relataram que estavam em uma lanchonete quando Maurício entrou em atrito verbal com algumas pessoas, que chegaram em um veículo.

Segundo esta versão, ao retornar para sua mesa, Matheus teria puxado uma faca e desferido o golpe no pescoço de Maurício. Em seguida, correu sentido Perimetral Norte. No entanto, foi alcançado e morto.

 

Fonte: Só Notícias

 

Comentários Facebook
publicidade

Sinop

Obras do Assaí em Sinop começam esta semana

Publicado

Dentro de 180 dias o Grupo Assaí deve abrir a sua loja na cidade de Sinop. As obras do novo empreendimento iniciaram ainda esta semana. Parte do prédio construído para abrigar um shopping center será aproveitada para área de venda. Uma estrutura no terreno aos fundos será erguida para comportar o estoque, área de espera para carga e descarga, além de estacionamento.

As obras serão administradas pela Succespar – empresa que faz prospecções de negócio para as novas lojas do Grupo Assaí e também quem assinou o contrato de locação desse imóvel em Sinop por 40 anos. Conforme o diretor executivo da Succespar, Cesar Viana, a unidade de Sinop terá 17 mil metros quadrados de área construída. “Serão mais de 20 quilômetros de estacas somente para fundação”, pontuou.

A loja de Sinop vai operar como um “atacarejo”, modelo padrão do Grupo Assaí, que mescla as vendas no atacado e no varejo. Para abrigar o negócio, a loja, em sua área de vendas, terá 7 mil metros quadrados, com 30 checkout’s (caixas). O depósito terá 2,5 mil metros quadrados. A unidade também terá uma área para estocar os alimentos refrigerados. “Serão 900 metros quadrados de Câmara Fria”, conta Viana.

Para administrar a carga e a descarga, uma área de espera com capacidade para 10 carretas será implantada. A ideia é garantir a logística sem atravancar o trânsito.

Leia mais:  Sinop:Preso marido acusado de envolvimento no assassinato de enfermeira.

Do lado de fora, o estacionamento aberto terá espaço para 500 veículos, além de um ponto de acesso coberto, para os dias de chuva. Do lado de dentro, o supermercado vai oferecer um mix com mais de 7 mil itens, de alimentos até a linha automotiva. “Com o Assaí, Sinop passa a ter mais um canal de distribuição de produtos multimarcas. Nos parceiros comerciais são grandes, médios e pequenos empreendedores, em geral transformadores, que encontram no Assaí um fornecedor dos insumos para seus negócios”, pontuou a gerente regional do Assaí em Mato Grosso, Kênia Mainardi.

Segundo ela, durante os estudos mercadológicos que precederam a vinda do Assaí para Sinop, estimou-se que pelo menos 30% das vendas dessa nova unidade sejam de consumidores regionais. “Detectamos que Sinop tem vocação de polo regional, com grande abrangência, em uma região bastante rica e com eminente crescimento. Acredito que iremos nos surpreender com essa unidade de Sinop”, prevê Kênia, estimando que talvez a representatividade do mercado regional ultrapasse a casa de um terço das vendas.

 

E A CONCORRÊNCIA?

Quando o Assaí anunciou que iria se instalar em Sinop, boa parte da população comemorou pelo aumento da concorrência no setor supermercadista. Afinal, mais disputa é igual a melhores preços. Como se trata de um gigante do varejo nacional, com 153 unidades em todo país, havia também o temor de que o mercado engolisse – ou pelo menos desestabilizasse – empresas locais, que cresceram em Sinop. Esse fator ficou ainda mais evidente quando a área escolhida pelo Assaí fica na mesma quadra de um dos supermercados tradicionais da cidade.

Leia mais:  Morador denuncia morte de peixes em afluente do Rio Teles Pires em Sinop.

Para a gerente regional do Assaí, a concorrência irá acontecer, mas isso não significa ameaça para os outros players do segmento. Kênia lembra que durante 3 anos o grupo fez a prospecção para só então decidir implantar a unidade de Sinop. Todos os estudos e demonstrativos demonstraram a viabilidade da cidade, o crescimento econômico e a expansão populacional. “É seguro dizer que cabe uma das lojas do Assaí em Sinop ‘com folga’, sem medo de que o empreendimento se viabilize”, comentou.

Kênia lembrou ainda que Sinop entrou no radar do Grupo após se destacar, por 3 anos seguidos, no ranking das 100 melhores cidades para se fazer negócio no país. “O que eu posso dizer é que está [de Sinop] é uma das lojas mais desejadas do grupo”, finalizou a gerente.

Fonte: Jamerson Miléski

Comentários Facebook
Continue lendo

Sinop

Criança é mordida por cão em Claudia e transferida para Sinop morre antes do socorro.

Publicado

Uma criança de aproximadamente dois anos foi mordia por um cachorro da raça pitbull em uma residência no município de Claudia (80 km de Sinop), ela foi socorrida pela equipe de médicos no município e trazida para o Hospital Regional de Sinop. O estado seria grave.

Segundo informações, a criança que não teve o nome revelado, não resistiu aos ferimentos e morreu ainda dentro da ambulância, antes de dar entrada ao hospital. A Polícia Civil e peritos estão sendo aguardados para os procedimentos.

A criança tem 1 ano e 8 dias e estaria na casa dos patrões da mãe. Ela estaria deitada na rede quando foi atacada pelo cachorro. Os ferimentos foram na cabeça.

Fonte: Visão Noticias

Comentários Facebook
Leia mais:  Celular pode ter salvo vida de rapaz em Sinop.
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana