Polícia MT

Ação conjunta prende dois envolvidos em tentativa de latrocínio em Várzea Grande

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Dois criminosos identificados como autores de uma tentativa de latrocínio, ocorrido na noite de segunda-feira (09.10), foram presos em uma ação conjunta da Polícia Judiciária Civil e da Polícia Militar, desencadeada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG) e 4º Batalhão da PM.

Os suspeitos, Willian da Silva, conhecido como “Café” e Diego Jesus da Silva, o “Dudu”, foram identificados e presos pouco após a prática do crime. Os outros dois envolvidos, um deles menor de idade, já foram identificados e são procurados pela Polícia.

O crime ocorreu por volta das 22h30, em uma residência no bairro Parque Atlântico, em Várzea Grande, quando quatro homens armados abordaram as vítimas que saiam de casa. Na ocasião, os criminosos anunciaram o assalto e exigiram as chaves do veículo e dinheiro. Em seguida, os assaltantes renderam as vítimas e entraram na casa, passando a selecionar os objetos que seriam subtraídos.

Em determinado momento, a vítima decidiu reagir e entrou em luta corporal com um dos assaltantes, sendo esfaqueada por ele e em seguida atingida com um disparo de arma de fogo efetuado pelo outro suspeito. Após o ocorrido, os suspeitos empreenderam fuga, sendo dois deles tentaram fugir com o veículo das vítimas, um Jeep Renagade, porém não conseguiram ligar o carro.

Leia mais:  Criação de delegacia é elogiada por ministro e terá foco nos crimes de corrupção e lavagem de ativos

Os suspeitos pularam o muro do condomínio e furtaram uma motocicleta que estava do lado de fora para empreender fuga. A vítima foi socorrida e encaminhada ao Pronto Socorro de Várzea Grande.

Assim que foram acionadas do roubo, as equipes da Derf-VG e do 4º Batalhão da PM iniciaram as investigações conseguindo identificar um dos suspeitos como Willian da Silva, o “Café”. Durante o assalto, o suspeito também foi atingido pelo disparo e foi ao Pronto Socorro, onde se deparou com uma das vítimas e novamente empreendeu fuga.

Com a identificação do suspeito, os policiais realizaram diligências conseguindo realizar a sua prisão. Questionado, o suspeito confessou a participação no crime e ajudando a identificação dos seus comparsas, entre eles Diego Jesus da Silva, responsável por levar o grupo até o local de crime, bem como dar apoio do lado de fora da residência.

Com as informações, os policiais seguiram até a residência de Diego, onde localizaram o veículo Volkswagem Gol utilizado no roubo. Questionado, o suspeito também confessou a participação na tentativa de latrocínio. Diante das evidências, os dois suspeitos foram conduzidos a Derf-VG, onde após serem interrogados pela delegada Elaine Fernandes da Silva, foi lavrado o flagrante por tentativa de latrocínio e associação criminosa.

Leia mais:  Policiais de MT e Acre prendem mais um suspeito do roubo a casa de deputada estadual

“São criminosos que estavam atuando na prática de roubos em Várzea Grande, sendo além desta tentativa de latrocínio reconhecidos como autores de um roubo a residência ocorrido no sábado (07), no bairro Marajoara II”, disse a delegada.

 

Comentários Facebook
publicidade

Polícia MT

PRF realiza Operação Juruena no Noroeste de MT

Publicado

Veículos de carga estão proibidos de transitar em trecho da BR-174, entre Castanheira e Colniza

Desde o último dia 15, a PRF (Polícia Rodoviária Federal) realiza na região Noroeste de Mato Grosso a Operação Juruena. O objetivo é garantir o cumprimento da portaria do Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) que proíbe o tráfego de veículos com peso bruto acima de 48,5 toneladas na BR-174, entre Castanheira e Colniza.

Além de fiscalizar a carga dos veículos e outras questões de trânsito, os agentes da PRF têm como missão garantir a trafegabilidade e a segurança no trecho.

A operação segue até abril, quando se encerra o período de chuvas na região. Devido às condições climáticas, a estrada de chão com pontes de madeira é suscetível à alagamentos e interdições, por isso, o Dnit decidiu pela proibição de circulação dos veículos mais pesados.

Até a tarde desta segunda-feira (20), a PRF não havia registrado casos de descumprimento da portaria.

Neocleciana Gonçalves – SECOM PRF MT

Fonte: PRF MT

Comentários Facebook
Leia mais:  PRF lança em MT campanha Policiais Contra o Câncer Infantil
Continue lendo

Polícia MT

Policiais civis garantem pódio no 1º Campeonato de Parajiu-jitsu em Barra do Garças

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Os investigadores de polícia, Amarildo Fernandes e Adão Lopes, participaram do primeiro evento de Parajiu-jitsu, na modalidade Nogi (sem Kimono), realizado na entre os dias 18 e 19 de janeiro, em Barra do Garças (509 km a Leste de Cuiabá).

O evento, promovido pela Federação Brasileira de Jiu-jitsu Paradesportivo, é considerado um marco histórico da arte suave e aconteceu no tatame da Gracie Barra Prêmio, sob a responsabilidade de líderes da inclusão social do mundo.

Os dois investigadores participantes da competição subiram ao pódio, obtendo excelente resultado para a equipe AB Brazilian Jiu-jitsu e representando a Polícia Civil de Barra do Garças. O investigador, Amarildo Fernandes, foi o campeão da categoria B, Nogi (sem kimono) e segundo lugar categoria absoluto também na categoria Nogi. 2º lugar categoria B, parajiu-jitsu e o 3º lugar categoria absoluto.

Já o investigador, Adão Lopes, conquistou o segundo lugar na categoria máster 1, azul, até 90 quilos, Pelo grande desempenho, a equipe AB Brazilian Jiu-jitsu também levou o 3º lugar entre equipes.

Leia mais:  Polícia Civil prende servidora pública envolvida em venda de medicamentos proibidos pela Anvisa

Para Amarildo, que aos dois anos de idade, se tornou portador de visão monocular, através do esporte é possível perceber a capacidade de ir além, independente de qualquer adversidade, pois a vontade de vender e superar faz que atleta seja referência de resiliência e superação.

“Apesar das dificuldades, nunca perdei a esperança que algo maravilhoso aconteceria em minha vida. É o grande dia de fazer história no mundo do parajiu-jitsu, me sinto honrado em ser o primeiro paratleta a lutar um evento desse nível, juntamente a outros grandes guerreiros, cada um com sua história de superação”, disse o investigador.

Os investigadores idealizam um projeto futuro pra atender menores sem condições financeiras, incentivando a prática de esportes, através das artes marciais.

Um atleta na categoria B – (blind) se espelha em samurai ….”Para nós, um pequeno incômodo nos olhos, um simples cisco, é capaz de gerar grandes frustrações. Para eles, ser completamente incapaz de enxergar os torna capaz de ser letal perante seus oponentes”, completou o policial.

Leia mais:  Criminoso envolvido em vários roubos é preso após assalto a empresa de Várzea Grande

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana