Polícia MT

Delegacia Regional promove palestra sobre Nova Lei de Abuso de Autoridade para servidores

Publicado

Assessoria/PJC-MT

Policiais das forças de segurança da regional de Cáceres participam nesta quinta-feira (13.02) de uma palestra sobre a Lei 13.869/2019 – Nova Lei de Abuso de Autoridade, com o delegado Marcel Gomes de Oliveira, integrante da equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Cuiabá.

A palestra é promovida pela Delegacia Regional da Polícia Civil de Cáceres em parceria com a subsede do Sindicato dos Investigadores de Mato Grosso e será realizada no auditório do Cefapro (Rua Saracura – Bairro Maracanãzinho), a partir das 14h.

O objetivo do evento é orientar policiais quanto aos novos tipos penais, e suas consequências trazidas pela nova lei que entrou em vigor em janeiro deste ano, proporcionando conhecimento necessário para a atuação policial e evitando incorrer em situações de crimes previstas na legislação.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Polícia MT

Barbudo desmente voto em “fundão eleitoral” de R$ 6 bilhões

Publicado

Manobra do relator fez com que votação de fundo fosse incluída na pauta da LDO

O deputado federal Nelson Barbudo (PSL-MT) vem a público esclarecer que é veemente contra o aumento do chamado Fundão Eleitoral em R$ 6 bilhões. O parlamentar informa que durante a votação desta quinta-feira (15.06), em que estava na pauta a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2022, houve uma manobra para incluir o “fundão”.
“Eu jamais, jamais, compactuaria com a votação deste fundão. A comissão de orçamento colocou a votação deste abusivo e absurdo aumento do Fundão Eleitoral juntamente com a LDO e nós, deputados, não pudemos votar as duas pautas de forma separada”, explica Barbudo.
O deputado também esclarece que a sessão não ocorreu conforme os deputados contrários ao fundão gostariam. “Não houve votação nominal específica para o fundão como gostaríamos que houvesse. Só que votar contra a LDO reflete na governabilidade e obviamente trava o Governo Federal. Foi tudo muito bem articulado, calculado e feito de uma forma suja, da qual jamais compactuaria. Cabe esclarecer também que diante da não votação nominal do destaque, informei de forma oficial meu voto contrário ao fundão, que constará na tramitação do PLN 3/2021”, reforça.
Barbudo relembrou, inclusive, que no início da pandemia do coronavírus já havia se manifestado contrário ao fundão para a eleição. “Quem me conhece sabe que sou correto e meu discurso é uno. Eu jamais votaria para o aumento do Fundão Eleitoral. Aliás, no começo desta pandemia, me pronunciei para que o mesmo fosse destinado no combate à covid-19”.
Na próxima semana, parlamentares contrários ao Fundão Eleitoral, Nelson Barbudo incluso entre eles, devem buscar o presidente Jair Bolsonaro para que o mesmo vete a aprovação deste valor.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia MT

PM, PRF, Polícia Penal dão inicio a Operação Centauro em Guarantã, Matupá e Peixoto.

Publicado

No final da tarde de ontem quarta-feira (17), o 15° Comando Regional da Polícia Militar lançou a Operação Centauro, estratégia que irá ampliar as atividades de patrulhamento preventivo na região do extremo norte do estado (Nortão).

O 15º CR tem sobre sua abrangência de atuação em 10 municípios.  Além de Guarantã do Norte, a regional da PMMT atua nos municípios de Peixoto de Azevedo, Matupá, Marcelândia, Terra Nova do Norte, Itaúba, Nova Guarita, Nova Santa Helena e Novo Mundo.

Ganha destaque na operação a presença das equipes do policiamento especializado de outros Comandos Regionais da PMMT, como a Cavalaria e o Batalhão de Proteção Ambiental do Comando Especializado e a Força Tática do 1° Comando Regional de Cuiabá.

Esse reforço de policiamento, enviado pelo Comando Geral, vem somar com as diversas ações integradas que já realizamos com as demais forças de segurança no nortão e, com certeza contribuirá na melhora da segurança da população.  Destacou o Tenente Coronel James Jacio Ferreira, Comandante do 15º CR.

O lançamento da Operação foi marcado pela tática de saturação policial nos bairros e áreas com maiores registros de ocorrências  criminais e, durante o patrulhamento de saturação 02 (dois) homens foram presos.

O primeiro, um jovem de 20 anos, preso pelo posse ilegal  de um revólver calibre 38, com 02 munições intactas, 05 deflagradas e ainda uma porção de maconha. O segundo, de 46 anos de idade, transportava no veículo uma pistola 380 com 08 munições no carregador.

Fonte: Editoria com Assessoria – Foto: Divulgação

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana