Política MT

Deputados visitam Comando Geral do Corpo de Bombeiros de MT

Publicado

Foto: MAURICIO BARBANT / ALMT

Acompanhado dos deputados Dilmar Dal Bosco (DEM) e Wilson Santos (PSDB), o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM) visitou, nesta terça-feira (08), a sede do Comando Geral do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso – CBMMT. O convite para o almoço partiu do comandante geral Alessandro Borges, momento em que oportunizou o diálogo sobre as demandas do setor, bem como a aproximação entre as instituições.

Os deputados conheceram o Memorial Histórico do CBMMT e a Galeria dos Comandantes. Ao agradecer a receptividade, Botelho destacou o exímio trabalho desenvolvido pela corporação e também sobre procedimentos à fiscalização.

Comandante Alessandro Borges também agradeceu a visita. “É uma honra muito grande receber o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Botelho e toda comitiva. A Assembleia representa os mato-grossenses, toda demanda dela é importante à sociedade. O bombeiro trabalha para zelar pela segurança de toda sociedade e recebe muito bem toda essa demanda e vamos estudar para dar feedback importante para todos”, disse o comandante.

Explicou que a fiscalização começa com o trabalho preventivo. “Começa na prancheta quando analisamos o projeto, a construção da edificação e, depois, a sua execução é muito importante porque vai dar segurança à população que vai estar ali habitando ou transitando. Queremos sempre preservar vidas e patrimônios. Agora, demandamos a nossa legislação à Assembleia justamente para atualizar, modernizar e desburocratizar nossa atividade técnica”, esclareceu Borges.   

Além de conhecerem a estrutura, Botelho destacou a visita como oportunidade para debater projetos futuros. “É importante conhecermos os projetos que têm para melhorar ainda mais o atendimento a todo povo de Mato Grosso. Também discutimos algumas reclamações sobre fiscalização e nos disseram que estão analisando, algumas já foram até sanadas. Essa é uma visita de cortesia, para a relação ser mais próxima”, destacou o parlamentar.

O deputado Wilson Santos, que em 1981 deu aula no mesmo prédio, época em que funcionava a Escola Eurico Gaspar Dutra, disse que se emocionou durante a visita. 

“Botelho está de parabéns quando procura essa aproximação com uma instituição querida. Mas sempre tem um prefeito que reclama do excesso de exigências, uma câmara municipal que cobra a liberação de um evento e nem sempre o projeto aprovado coincide com a execução dele. Às vezes é executado com antecedência, cumpre todas as exigências técnicas, mas a empresa que vai implantar a cerca, o tablado, o palco, deixa pra última hora. Isso coloca às vezes em risco a segurança do cidadão. E o Corpo de Bombeiros está muito bem, evoluiu muito nos últimos anos e pra mim foi motivo de emoção porque retorno num ambiente em que comecei a minha vida profissional”, destacou.

Para o deputado Dilmar Dal Bosco, a ALMT tem a preocupação em procedimentos, em leis, que possam garantir a continuidade da corporação, a qualidade no atendimento e bem-estar da sociedade. “Estamos prontos para debater a nova legislação que vai para a Assembleia, que seja menos burocracia, com procedimento simplificado e adequados ao nosso estado”, disse.  

Também participaram os coroneis Bonato; Rainho; Metello; Pereira; Ricardo; TC Lael (1º Comando Regional); TC Queiroz (1º Batalhão BM) e Major Faro (2º BBM).
 

Comentários Facebook
publicidade

Política MT

PL prevê economia no transporte de longa distância de presos

Publicado

Foto: Marcos Lopes

O Projeto de Lei n° 77/2020, apresentado pelo deputado Dr. Eugênio (PSB) em sessão plenária na última semana, prevê economia no transporte de longa distância de presos. Conforme a proposição, ficará instituído que o transporte, quando tiver distância igual ou superior a 500 quilômetros da instituição de origem, até a instituição de destino final dentro do estado, ficará a cargo do Centro Integrado de Operações Aéreas do Estado de Mato Grosso (Ciopaer), com o uso de aeronaves apreendidas.

“Esta situação é desgastante para os profissionais de segurança pública, que, em geral, envolve riscos e tensões que afetam a sua saúde física e mental, comprometendo a qualidade de vida desses profissionais, aliada às más condições e sobrecarga de trabalho. A saúde desses profissionais se deteriora a cada dia. A fim de buscar meios para otimizar os recursos financeiros e recursos humanos, este projeto tem sua justificativa na melhor utilização do grupo (Ciopaer), bem como a utilização racional do baixo efetivo dos agentes da segurança pública", diz trecho da justificativa.

O projeto é uma reivindicação dos diretores do Sindicato dos Investigadores da Polícia Civil do Estado de Mato Grosso (Sinpol), presidente Edleusa Mesquita, do vice, Gláucio de Abreu Castañon, e do diretor da subsede de Água Boa, Aurélio Mendanha da Silva.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Política MT

Sinop pode receber investimentos em educação e segurança

Publicado

Foto: Marcos Lopes

O deputado estadual Silvio Fávero (PSL), é autor de diversas indicações que contemplam a cidade de Sinop, também conhecida como a ‘capital do Nortão’ (503 quilômetros de distância da capital mato-grossense). Nos pedidos encaminhados ao Governo do Estado, Fávero aponta a necessidade de recuperação da MT-338, entre o entroncamento da MT-220 e a BR-163 que dá acesso aos municípios de Sinop, Juara e Porto dos Gaúchos.

No documento, o deputado justifica que o intuito é assegurar condições de tráfego. “O problema por lá (MT-338) é contínuo e de difícil solução em curto prazo, apesar do grande desempenho do atual governo em resolvê-lo”, argumentou Fávero.

Outro pedido feito, trata da restauração do encabeçamento da ponte sobre o rio Teles Pires na MT-222/MT-10. A solicitação do parlamentar também chegou ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Ao departamento, Fávero mostra a necessidade de construção de uma passarela na BR-163, KM 829, perímetro urbano da capital do Nortão.

Educação – As reivindicações de Fávero também beneficiam a educação.  No pedido também encaminhado à Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Fávero pede a construção de mais 18 salas de aulas na Escola Estadual Parque das Nações e mais 18 salas para a Escola Jardim das Orquídias.

Em um dos documentos, com cópia à Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), o autor das indicações pede a permanência de um policial militar na Escola João Pissinati Guerra.

Vale lembrar que a unidade escolar permaneceu fechada e com as atividades pedagógicas paralisadas, por um período, em 2019, depois de ter sido vítima de uma invasão. Uma mulher, munida de um facão, tentou invadir a unidade de ensino.

“Fui procurado por vários moradores de Sinop que temem pela segurança de seus filhos. A situação é bastante delicada, e depois desse episódio, a sensação de insegurança aumentou ainda mais. No mínimo precisamos encontrar solução para impedir situações como esta”, alertou Fávero.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana