Mato Grosso

Exposição Santos da Baixada abre programação cultural dos 50 anos da UFMT

Publicado

A partir das 20h do dia 13 de fevereiro, os fotógrafos Luzo Reis e Antônio Siqueira recebem o público para a abertura da temporada da Exposição Santos da Baixada, no Museu de Arte e Cultura Popular, em Cuiabá. A mostra fica em cartaz até o dia 13 de março e pode ser conferida gratuitamente, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30.

Com seus registros de festejos populares, os fotógrafos eternizaram momentos singulares das festas de santo realizadas na Baixada Cuiabana. Eles percorreram nove municípios captando a essência da religiosidade do povo ribeirinho expressa em suas tradições.

“E ela realça não só a forte relação da instituição com a sociedade, como também, reafirma o compromisso que temos com a cultura popular de nosso Estado. A UFMT continua trilhando um caminho de ampliar o conhecimento científico, mas sempre respeitando os saberes populares”. 

Beleza com simplicidade

Fernando Tadeu alça o valor simbólico dos trabalhos. “Essa exposição é ouro. Ouro nos 50 anos da universidade. As fotos são reveladoras de todo o modo de viver de uma sociedade e neste caso, transpõe o cotidiano do ribeirinho. E o divino disso tudo, fica visível”.

Para o pró-reitor, as imagens trazem a beleza com simplicidade. “Elas são exuberantes nas cores. Além disso, nas festas de santo, tudo acontece. É um ambiente político. Amizades são fortalecidas, surgem casais, milagres e a imaginação e imaginário ficam visíveis”.

Ele celebra o fato de ter entre os expositores, um funcionário da Procev. “Para nós é um orgulho abrir a temporada com os trabalhos de Luzo Reis”.

Prata da casa

A exposição também entusiasma a coordenadora do Centro Cultural, Thania Monteiro de Arruda. “Além do trabalho fotográfico de muita qualidade, ele é funcionário da universidade.  É a primeira vez que temos dentre os artistas expositores um agente cultural da UFMT”, destaca.

Com o catálogo da exposição em mãos, ela contempla as fotos e revive também um pouco de sua história. “Cuiabana de pai e mãe, das tradicionais famílias Ponce de Arruda (por parte de pai) e Cuiabano Monteiro da Silva (por parte de mãe), frequentei muitas festas de santo em Cuiabá. Me unia à família na preparação da comida, cultivava a religiosidade e até dançava siriri”, se diverte.

De acordo com Luzo Reis, a mostra traz registros de festas em Cuiabá, Várzea Grande, Poconé, Nossa Senhora do Livramento e nas comunidades de Bom Jardim, em Nobres; Mimoso, em Barão de Melgaço; Varginha, em Santo Antônio do Leverger e Mata Grande, em Chapada dos Guimarães.

Festança nas comunidades ribeirinhas

A ideia surgiu em 2015, quando Luzo se reencontrou com o primo, Antônio Siqueira, morador de Rosário Oeste. A partir daquele [re]encontro os dois se viram várias vezes e a convite de Antônio cumpriram circuito de festas da região.

“Antônio é personalidade já conhecida por todos na cidade. Desde a década de 1990 registra festas de santo e o cotidiano de Rosário. Com sua humildade, vê na deferência e nos trejeitos despojados de seu povo atributos de uma vida virtuosa que alia trabalho duro, com momentos de partilha, fé e alegria”, declara Luzo.

Por sua vez, Antônio diz que aprendeu muito com essa troca de experiência. “A criatividade e a técnica de Luzo foram inspiradoras para o meu trabalho. Foi uma troca que vivenciamos, não só com as pessoas das comunidades por onde passamos, mas principalmente, entre dois parentes, dois fotógrafos”, se diverte. 

Além de trabalhar, Siqueira “entrega” que os dois se divertiram muito nas festas e morador de Rosário, ele conta que já tem ouvido muitos burburinhos. “Dia desses, quando viu o banner de divulgação uma moça me ligou para contar que era o avô dela que estava na foto. O resultado do projeto tem sido alvo de muita expectativa nas comunidades”. 

Na região, eles frequentaram as festas à Nossa Senhora da Guia, na comunidade de Igrejinha; em homenagem a Nossa Senhora da Piedade, no bairro Taboão e da festa da Rua da Barra, no centro de Rosário, que é em devoção a São Benedito.

O projeto de pesquisa e documentação fotográfica de Luzo e Antônio é fruto da curiosidade dos fotógrafos em conhecer os festejos, as peculiaridades existentes em cada localidade e as histórias por trás das festas. Explora a riqueza imagética e outras manifestações culturais e artísticas que não podem faltar a elas, como o cururu, siriri, procissões, ladainhas, adoração, lambadão e culinária ribeirinha, dentre outros elementos.

O projeto foi aprovado por edital da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT) e conta com apoio das prefeituras de Chapada dos Guimarães, Rosário Oeste, Pró-Reitoria de Cultura, Extensão e Vivência, da Universidade Federal de Mato Grosso e Museu de Arte e Cultura Popular. Em caráter itinerante, logo em breve a exposição chega à Chapada dos Guimarães.

Serviço

Exposição Santos da Baixada

De Luzo Reis e Antônio Siqueira

Circulação Cuiabá

Abre dia 13 de fevereiro, às 20h e segue até o dia 13 de março

Visitação gratuita, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30.

O Museu de Arte e Cultura Popular está instalado no Centro Cultural da Universidade Federal de Mato Grosso, que fica na avenida Edgar no Centro Cultural Vieira, S/N, Boa Esperança, Centro Cultural da UFMT Cuiabá-MT.

Mais informações

fb.com/santosdabaixadaexpo

@santosdabaixada_

www.santosdabaixada.com

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Bimotor com 450 kg de cocaína é interceptado pela FAB e pousa em MT

Publicado

Uma aeronave monomotor, modelo EMB-720 Minuano, foi interceptada em ação conjunta da Força Aérea Brasileira (FAB) e a Polícia Federal (PF), ontem domingo (2). As informações foram levantadas pelo setor de inteligência e então foram usadas quatro caças da FAB a apreensão do veículo e cocaína.

Conforme a FAB, o monomotor foi escoltado até o pouso obrigatório em Rondonópolis (MT), onde houve a abordagem e 450 kg de cocaína foram apreendidos. Os pilotos que estavam no interior da aeronave foram presos em flagrante.

Na segunda ação, um bimotor B-58 Baron foi interceptado também na capital sul-mato-grossense, sendo orientado a pousar em Três Lagoas, na região leste do estado. O bimotor não cumpriu as ordens e tentou fuga, porém, foi localizado no município de Ivinhena, com cerca de 700 kg de cocaína a bordo.

A FAB informou que as ações fazem parte da Operação Ostium, deflagrada para coibir ilícitos transfronteiriços. Para a ação, além das quatro caças A-29 Super Tucano da FAB e um E-99, também houve esforço de todo o Sistema de Defesa Aeroespacial Brasileiro (SISDABRA).

 

Fonte: G1 – Foto: FAB/Divulgação

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Serviços mais procurados no Detran-MT estão disponíveis online

Publicado

Dois dos serviços mais procurados da área de Veículos e Habilitação no Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) estão disponíveis de forma online para o cidadão: o Licenciamento Anual do veículo e a renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Na área de Veículos, o serviço de Licenciamento Anual representa 45% da demanda da Diretoria, se comparado aos demais serviços como vistoria veicular, emplacamento, transferência de propriedade, comunicação de venda e outros.

Já na Diretoria de Habilitação, o serviço de renovação da CNH corresponde a 66% da demanda, dentre os serviços de primeira habilitação, mudança de categoria, segunda via de CNH, Permissão Internacional para Dirigir (PID), troca da CNH provisória para a definitiva, e demais serviços.

Conforme o presidente do Detran-MT, Gustavo Vasconcelos, o foco da atual gestão é modernizar todos os procedimentos da Autarquia com o objetivo de facilitar a vida do cidadão e levar serviços de agilidade e qualidade aos usuários.

Saiba como realizar a impressão do Licenciamento Anual do Veículo e a renovação da CNH de forma online:

Licenciamento em papel A4

O proprietário do veículo, após quitar todos os débitos (IPVA, Taxa de Licenciamento, Seguro DPVAT, dívida ativa e possíveis multas), deve acessar o site do Detran-MT (www.detran.mt.gov.br) e digitar os dados do veículo, como placa e Renavam, na opção “Consulte Seu Veículo”.

Na sequência, vai abrir uma página contendo todas as informações do veículo e a opção “Clique Aqui para Imprimir o CRLV Digital”. Ao clicar, o modelo para impressão A4 irá aparecer na tela para impressão. O procedimento pode ser feito em qualquer lugar em que o cidadão tiver acesso à internet e impressora.

A nova versão do Licenciamento está disponível no site do Detran-MT e tem caráter definitivo. O conhecido “verdinho” não será mais impresso em papel moeda pela Autarquia no Estado, sendo disponível apenas esse novo modelo do documento.

Segurança do documento

Os proprietários de veículos podem ficar tranquilos quanto à autenticidade do novo modelo do documento, uma vez que este tem o mesmo valor jurídico e a segurança garantida por QR Code, que está ligado a base nacional de dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

Ou seja, o cidadão ao ser parado em alguma fiscalização de trânsito poderá apresentar o documento com tranquilidade, pois o mesmo será aceito pelo agente de trânsito, que irá checar a veracidade do documento através do QR Code.

Segunda via

Com o documento impresso em papel A4 não será mais necessário pedir a segunda via do Licenciamento. Caso o proprietário do veículo tenha sofrido extravio, furto ou roubo do documento, basta imprimir a segunda via em qualquer lugar em que tenha acesso à internet e impressora, sem custos adicionais.

Renovação online da CNH

Há pouco mais de um mês o Governo do Estado também disponibilizou o serviço de renovação online da CNH através do aplicativo MT Cidadão.

O cidadão, além de fazer todo o procedimento pelo aplicativo, ainda tem a opção de receber o seu novo documento através dos Correios.

Para abrir o processo de renovação de CNH pelo aplicativo o condutor não poderá possuir impedimentos e/ou bloqueios em sua CNH, bem como estar dentro de um prazo máximo de 180 dias próximo ao vencimento do documento.

Como renovar

Para realizar o serviço, o cidadão deve entrar na loja playstore da Google e procurar pelo aplicativo MT Cidadão. Após baixar e fazer o cadastro, o usuário deve acessar a sua conta, ir em “Meus Documentos” depois em “CNH” e irá aparecer seu nome, categoria da sua CNH, validade, número de registro e quantidade de pontos.

Logo abaixo, na guia “Solicitações”, deverá escolher a opção desejada, no caso específico, “Renovação da CNH”.

Ao clicar em “Renovação”, deve conferir seus dados, escolher a unidade do Detran-MT para abrir o processo de renovação e se deseja pegar a CNH na unidade escolhida ou receber pelos correios. O aproveitamento da imagem será feito automaticamente.

Após confirmação, será aberto um campo para a emissão do boleto para pagamento da taxa de renovação da CNH, que é de R$ 132,36.

Com o pagamento da taxa o condutor deverá comparecer a Clínica Médica indicada no RENACH para realizar os procedimentos do exame de aptidão física e mental.

No próprio aplicativo MT Cidadão o condutor poderá consultar o status de auditoria e emissão da sua CNH e aguardar a entrega pelos correios, caso tenha optado pelo o envio do documento em casa.

 

Fonte: Lidiana Cuiabano Detran-MT – Foto: Divulgação

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana