GUARANTÃ DO NORTE

Guarantã adere a quarentena coletiva obrigatória por 10 dias, porém com regras mais flexíveis.

Publicado

O prefeito de Guarantã do Norte lançou um novo decreto na noite desta terça-feira (30) onde se torna a quarentena coletiva obrigatória no território do Município por períodos de 10 (dez) dias, prorrogáveis, mediante reavaliação da autoridade competente, podendo, inclusive, haver antecipação de feriados para referido período.

Saiba quais são as atividades essenciais:
ARTIGO 1º § 2º – suspensão de aulas presenciais em creches, escolas e universidades;
§ 3º – controle do perímetro da área de contenção, por barreiras sanitárias, para triagem da entrada e saída de pessoas, ficando autorizada apenas a circulação de pessoas com o objetivo de acessar e exercer atividades essenciais;

XXXIX – atividades religiosas de qualquer natureza, obedecidas as determinações do Ministério da Saúde; e (Incluído pelo Decreto nº 10.292, de 2020)
XL – unidades lotéricas.

XLII – serviços de radiodifusão sonora e de sons e imagens;

XLIV – atividades de comércio de bens e serviços, incluídas aquelas de alimentação, repouso, limpeza, higiene, comercialização, manutenção e assistência técnica automotivas, de conveniência e congêneres, destinadas a assegurar o transporte e as atividades logísticas de todos os tipos de carga e de pessoas em rodovias e estradas;

XLVI – atividade de locação de veículos

XLVII – atividades de produção, distribuição,
comercialização, manutenção, reposição, assistência técnica, monitoramento e inspeção de
equipamentos de infraestrutura, instalações, máquinas e equipamentos em geral, incluídos
elevadores, escadas rolantes e equipamentos de refrigeração e climatização;

LI – atividades de atendimento ao público em agências bancárias, cooperativas de crédito ou estabelecimentos congêneres, referentes aos programas governamentais ou privados destinados a mitigar as consequências econômicas da emergência de saúde pública de que trata a Lei nº 13.979, de 2020, sem prejuízo do disposto nos incisos XX e XL;

LII – produção, transporte e distribuição de gás natural;

LIV – atividades de construção civil, obedecidas as determinações do Ministério da Saúde;

LVI – salões de beleza e barbearias, obedecidas as determinações do Ministério da Saúde

LVII – academias de esporte de todas as modalidades, obedecidas as determinações do Ministério da Saúde.

§ 2º Também são consideradas essenciais as atividades acessórias, de suporte e a disponibilização dos insumos necessários a cadeia produtiva relativas ao exercício e ao funcionamento dos serviços públicos e das atividades essenciais.
§ 3º É vedada a restrição à circulação de trabalhadores que possa afetar o funcionamento de serviços públicos e atividades essenciais, e de cargas de qualquer espécie que possam acarretar desabastecimento de gêneros necessários à população.
§ 4º Para fins do cumprimento ao disposto neste Decreto, os órgãos públicos e privados disponibilizarão equipes devidamente preparadas e dispostas à execução, ao monitoramento e à fiscalização dos serviços públicos e das atividades essenciais.

ARTIGO 2º – O funcionamento das atividades e serviços permitidos ficará sujeita às seguintes condições:
I – de segunda a sexta-feira, autorizado o funcionamento somente no período compreendido entre as 05h00m e as 20h00m;
II – aos sábados e domingos, autorizado o funcionamento somente no período compreendido entre as 05h00m e as 12h00m.

§ 1º – As farmácias, os serviços de saúde, de hospedagem e congêneres, de imprensa, de transporte coletivo, de transporte individual remunerado de passageiros por meio de táxi ou aplicativo, as funerárias, os postos de combustíveis, exceto conveniências, as indústrias, as atividades de colheita e armazenamento de alimentos e grãos, serviços de guincho, segurança e vigilância privada, de manutenção e fornecimento de energia, água, telefonia e coleta de lixo e as atividades de logística de distribuição de alimentos, não ficam sujeitas às restrições de horário previstos no presente artigo.
§ 2º – Fica proibida a venda de bebida alcoólica nas conveniências, restaurantes, lanchonetes e congêneres localizadas em postos de combustíveis situados em estradas e rodovias municipal no âmbito territorial do Município de Guarantã do Norte/MT, fora dos horários definidos nos incisos do caput deste artigo.
§ 3º – Os supermercados, nos horários de funcionamento fixados nos incisos deste artigo, devem aplicar sistema de controle de entrada restrito a 01 (um) membro por família.
§ 4º – Durante a vigência deste Decreto, os eventos sociais, corporativos, empresariais, técnicos e científicos, igrejas, templos e congêneres, cinemas, museus, teatros e a prática de esportes coletivos são permitidos, respeitado o limite de 30% (trinta por cento) da capacidade máxima do local, observados os limites de horário definidos nos incisos deste artigo.
§ 5º – Excepcionalmente, os supermercados, mercados e congêneres poderão funcionar aos sábados até as 20h00m, ficando vedado o consumo de bebidas alcoólicas no local, obedecidos os protocolos de saúde e normas sanitárias definidos neste Decreto.
§ 6º – Excepcionalmente, os restaurantes, poderão funcionar aos sábados e domingos até as 14h00m, obedecidos os protocolos de saúde e normas sanitárias definidos neste Decreto.
§ 7º – O funcionamento de serviço na modalidade delivery ficará autorizado somente até as 23h59m, inclusive aos sábados e domingos, com exceção das farmácias e congêneres, que poderão funcionar, na modalidade delivery, sem restrição de dias e horários.
§ 8º – Fica autorizado o funcionamento de restaurantes e congêneres nas modalidades take-away e drive-thru somente até às 20h45m, permitido o serviço de delivery até as 23h59m na forma do §7º deste artigo.

Comentários Facebook
publicidade

GUARANTÃ DO NORTE

Guarantã bate recorde e registra 323 pessoas curadas da COVID-19 em uma semana.

Publicado

O município de Guarantã do Norte tem registrado um número significativos de pessoas curadas do coronavírus, 323 pessoas foram curadas da doença na última semana. Este número é maior do que os infectados pela doença no mesmo período.
Por outro lado, 203 novos casos confirmados e 7 pessoas morreram em uma semana.
Guarantã do Norte conta hoje com 214 pessoas infectadas, 3 pessoas estão internadas em UTIs e 17 em enfermarias. 230 pessoas estão com suspeitas de estarem com o vírus

Comentários Facebook
Continue lendo

GUARANTÃ DO NORTE

Polícia civil prende um dos acusados de assaltar residência no Jardim Itália em Guarantã do Norte

Publicado

A polícia civil cumpriu no último sábado, por volta das 17h30min, um mandado de busca e apreensão na casa de um dos suspeitos de assaltarem uma residência no bairro Jardim Itália no dia 01 de março em Guarantã do Norte.
A equipe de investigadores se deslocaram para a estrada Linha Country Clube e ao realizar buscas na residência do suspeito, foram encontradas 29 trouxinhas de substância análoga à pasta base, uma porção de maconha e 4 celulares.
Foi encontrada também uma pistola da marca Taurus, 9 milímetros.
Diante dos fatos foi dado o suspeito de 21 anos foi conduzido para delegacia judiciária civil por porte,posse e aquisição de arma de fogo, tráfico ilícito de drogas e associação ao tráfico.

O assalto:

Segundo a vítima, os bandidos em posse de um revólver calibre 38 e uma pistola adentraram em sua residência e renderam ele e sua mulher. Os assaltantes mediante graves ameaças exigiam uma pistola e a joias da vítima.
Após a ação os bandidos foragiram do local levando as chaves de dois veículos, uma pulseira de ouro, um colar, dois celulares e uma camioneta Hilux.
Já na manhã do dia seguinte, os policiais militares receberam informações de que havia um veículo Toyota Hilux de cor preta abandonada próximo a BR-163, saída para Matupá. Diante das informações, os policiais militares se deslocaram até o local onde foi localizada a caminhonete e os dois aparelhos celulares jogados ao chão, ambos os celulares foram quebrados pelos bandidos.
Após a checagem, os policiais constataram que o veículo e os celulares eram os produtos do roubo ocorrido na noite anterior.

Por/ O Território

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana