Novo Mundo

Jovem morre em violenta colisão frontal com caminhonete em Novo Mundo

Publicado

O acidente ocorreu, ontem à noite, em Novo Mundo. A Polícia Civil confirmou, que a colisão envolveu uma moto (marca e modelo não informados) e uma Ford F-1000. O condutor da motocicleta morreu ainda no local. Ele foi identificado como Leonardo Medina Schemmer, 24 anos

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) fez as análises necessárias e, agora, apontará as causas do acidente. Os ocupantes da caminhonete não ficaram feridos. As responsabilidades pela colisão serão investigadas pela Polícia Civil, que também esteve no local.

O corpo foi encaminhado para passar por exames de necropsia em Guarantã do Norte. Ele está sendo velado na capela de uma funerária, na rua dos Cedros, no bairro cidade Nova, em Guarantã. O sepultamento será, hoje às 17h.

Só Notícias/Cleber Romero

Comentários Facebook
Leia mais:  Ônibus com estudantes universitários tomba na MT-419 em Novo Mundo
publicidade

Novo Mundo

Homem é morto com 9 facadas na MT-419 em Novo Mundo

Publicado

Por volta das 22h50min dessa quarta-feira (25), a polícia militar de Novo Mundo foi acionada pela plantonista do PSF local, a qual relatou que tinha acabado de dar entrada uma vítima, identificada como Eleandro dos Santos, já em óbito com nove perfurações de arma branca, seis nas costas, duas no tórax e uma no pescoço.

De imediato os policiais se deslocaram até o PSF onde se encontrava uma das testemunhas que presenciaram o crime.

Segundo a testemunha, a mesma estava transitando em sua camioneta na MT-409, a cerca de 35 quilômetros de Novo Mundo, sentido balsa Rio Teles Pires, momento em que avistou uma motocicleta Honda 150 atravessada no meio da pista.

No local havia algumas pessoas já com os ânimos exaltados, e que em dado momento, um dos indivíduos puxou uma faca e desferiu vários golpes na vítima. A testemunha após presenciar o fato prestou socorro à vítima, de forma que a conduziu em sua caminhonete ao PSF da cidade de Novo Mundo.

Leia mais:  Homem é morto com 9 facadas na MT-419 em Novo Mundo

A polícia militar de Novo Mundo realizou rondas no intuito de localizar o suspeito, porém não conseguiu êxito em encontrá-lo.

Por/ O Território

Comentários Facebook
Continue lendo

GUARANTÃ DO NORTE

Justiça decreta prescrição de ação contra acusado de envolvimento em acidente com 3 mortes entre Guarantã e Novo Mundo

Publicado

A Justiça decretou a extinção da punibilidade do motorista acusado de envolvimento no acidente que resultou nas mortes de Cassiene Aparecida Barcelos, 34 anos, Francisleide Pereira Campos de Oliveira, 32, e Gabrieli Birtche Maldaner, 10 anos. As vítimas morreram em um acidente de trânsito ocorrido em dezembro de 2007, na rodovia MT-419, que liga Guarantã do Norte a Novo Mundo.

O acusado estava em uma caminhonete Mitsubishi L200, que se envolveu na colisão com VW Santana, onde estavam as três vítimas e uma jovem de 18 anos, que acabou sobrevivendo ao acidente. De acordo com a denúncia do Ministério Público Estadual (MPE), o suspeito, na época com 19 anos, passou a tarde em uma lanchonete de Novo Mundo ingerindo bebida alcóolica com o irmão. Posteriormente, quando seguia para Guarantã, teria invadido a pista contrária e atingido a caminhonete.

“O fato de o indiciado adentrar em uma rodovia, após o uso de bebida alcoólica que, sabidamente, diminui os reflexos do motorista, aliado à excessiva velocidade empreendida na caminhonete conduzida por ele, demonstram, por si só, que assumiu o risco de vir a causar um acidente automobilístico com vítima fatal, tanto que se manteve firme nessa postura arriscada até o momento no qual colidiu com o veículo das vítimas, ceifando a vida de três delas”, destacou o Ministério Público.

Leia mais:  Bandidos amarram vítimas com cordas e levam caminhonete em Novo Mundo

O suspeito foi denunciado por três homicídios e uma tentativa de homicídio e, desta forma, poderia ir a júri popular. No entanto, o Tribunal de Justiça desclassificou os delitos para homicídio culposo (quando não há intenção de matar) na direção de veículo automotor por três vezes, crime previsto no Código de Trânsito Brasileiro. Também respondia por lesão corporal culposa, também previsto no CTB.

Após a decisão, a Justiça de Guarantã do Norte decretou a extinção da punibilidade do suspeito em relação aos crimes, entendendo que houve prescrição. “O crime previsto no art. 302 do CTB (homicídio culposo), com pena entre dois e quatro anos de detenção, prescreve em oito anos. Já o delito previsto no art. 303 do CTB (lesão corporal) com pena entre seis meses a dois anos de detenção, prescreve em quatro anos. Ocorre que o réu era menor de 21 anos à época dos fatos, pelo que referidos prazos caem pela metade, é dizer, para quatro e dois anos, respectivamente. Desta forma, verifico que decorreram mais de seis anos do recebimento da denúncia até a data da sentença de pronúncia, sem que qualquer outra causa de interrupção ou suspensão da prescrição operasse”, consta na decisão.

Leia mais:  Jovem de 20 anos morre após colidir na traseira de uma carreta na MT – 419 em Novo Mundo

Cassiene era tabeliã do cartório de Guarantã e foi sepultada em Minas Gerais. Francisleide Pereira trabalhava como funcionária da promotoria e foi sepultada em Guarantã, assim como Gabrieli.

Só Notícias/Herbert de Souza

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana