Mato Grosso

MT já tem plano para adotar “lockdown” se casos de Covid dispararem

Publicado

O secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, não descartou durante a live desta sexta-feira (08), a possibilidade do Estado adotar o sistema “lockdown”, com medidas mais rígidas de isolamento social das que foram adotadas até agora. Segundo ele,  o quesito entra na “rota de fuga” do Estado se os casos de Covid-19 permanecerem subindo em Mato Grosso.

“Seria uma negligencia de qualquer gestor não pensar nisso. Temos uma interrogação. Vamos chegar num momento que vamos perder da nossa capacidade hospitalar? Um colapso do sistema onde nós não vamos mais conseguir atender as pessoas nos nossas Unidades de Terapias Intensivas? Essa pergunta existe e nós temos a obrigação de pensar nisso. Em que pese que nós torcemos para que isso não aconteça”, colocou.

O “lockdown  coronavírus” consiste medidas mais restritivas de tráfego e circulação de pessoas como forma de conter o avanço do novo coronavírus e já foi adotado em Fortaleza (CE), São Luiz (MA) e Belém (PA). A estratégia impede a saída de pessoas para qualquer espaço público, com exceção para os serviços que são extremamente essenciais.

O modelo restritivo tem sido sugerido por especialistas e analisado pelo poder público em outras cidades do país, como Rio de Janeiro (RJ), onde o sistema público de saúde está perto do colapso com o aumento de números de casos.

De acordo com o relatório oficial da Secretária de Estado e Saúde, na quarta-feira (06), Mato Grosso tinha 385 casos confirmados de Covid-19, já na quinta-feira (07) foram registrados 420 testes positivos da doença, um salto de 35 novas confirmações da doença em 24h e um total de 14 óbitos. Porém, o Estado ainda tem mais de 90 leitos de UTI “vagos” e deve inaugurar nos próximos dias um anexo no Hospital Metropolitano de Várzea Grande que, num primeiro momento, será destinado para atender apenas casos do novo coronavírus.

Diante dos índices que aumentam consideravelmente a cada dia, Figueiredo declarou que com o cenário incerto, sem expectativas para o pico da doença, o Estado pode aderir a tática se a tendência de confirmações continuarem ampliando. “Então, existe sim, o Governo do Estado tem um comitê de situação que vai se reunir agora nas terças-feiras, sempre analisando o comportamento da pandemia no Estado de Mato Grosso e a luz dessas informações vai tomar decisões”, finalizou.

 

REPASSE DE R$ 1 BILHÃO

 

No fim da transmissão, Gilberto adiantou ainda que participará, nesta sexta-feira, de uma reunião com representantes dos Hospitais Sírio-Libanês e Albert Einstein de São Paulo para tratar de um repasse de R$ 1 Bilhão que serão efetivados pelo banco Itau através do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS). O auxilio será investido no combate da pandemia.

“Eu como representante do Centro-Oeste fiz a adesão a esse projeto e nós temos agora temos aqui em Cuiabá uma reunião com representantes desse projeto para saber quais são nossas prioridades e no que nós poderemos ser atendidos”, concluiu.

 

Fonte: Folha Max

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Prazo de validade de CNH em MT está suspenso por pandemia

Publicado

Em Mato Grosso está suspenso por tempo indeterminado o prazo de validade dos processos dos candidatos que buscam a renovação e emissão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). A medida obedece uma portaria do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Esse prazo indeterminado vale para os processos que estão ativos no Detran a partir do dia 20 de março deste ano, e também para os processos de habilitação que ainda serão abertos.

Os motoristas que já têm CNH e estão com o documento vencido a partir de 19 de fevereiro deste ano não precisam fazer a renovação de imediato.

Processos estão suspensos — Foto:  Mayke Toscano/Secom-MT

Processos estão suspensos — Foto: Mayke Toscano/Secom-MT

Os condutores com as carteiras vencidas antes desse prazo que forem pegos dirigindo vão pagar multas.

O prazo de validade está suspenso, por tempo indeterminado, conforme uma resolução do Contran, publicada em junho.

Em março, o Conselho Nacional de Trânsito publicou uma resolução que suspende os vencimentos das CNHs desde o dia 19 de fevereiro. A medida também é válida para a Permissão Para Dirigir (PPD).

A medida, segundo o Contran, busca auxiliar a população no enfrentamento dos impactos do novo coronavírus no setor de trânsito e transportes brasileiro.

Fonte: G1

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Gaeco de MT prende servidor público estadual por indícios de corrupção

Publicado

Após receber denúncias sobre possível crime de corrupção de agente público estadual, o Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco/MT) realizou diligências de monitoramento e prendeu em flagrante delito, na noite desta quinta-feira (24), o secretário Adjunto Sistêmico da Casa Civil.

No momento da prisão, o servidor público estava com R$ 20 mil. Há indícios de que o dinheiro tenha sido repassado por representante de empresa que supostamente foi favorecida em processo licitatório. A transação teria ocorrido dentro da Casa Civil, horas antes da prisão.

O agente público foi autuado em flagrante por crime de corrupção passiva e será encaminhado para audiência de custódia.

Fonte: Assessoria – Foto: Divulgação

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana