Policia Federal

PF combate corrupção nos Correios

Publicado

Florianópolis/SC – A Policia Federal deflagrou nesta sexta-feira (6/9) a Operação Postal Off, que visa desarticular organização criminosa que atuava junto à Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, praticando, de forma habitual e permanente, fraudes que estavam causando graves prejuízos à empresa.

Cerca de 110 policiais federais estão cumprindo 9 mandados de prisão preventiva e 19 mandados de busca e apreensão na cidade do Rio de Janeiro; 2 mandados de prisão preventiva e 5 mandados de busca e apreensão no Estado de São Paulo (municípios de Tamboré, Cotia, Bauru e São Caetano); além de 1 mandado de prisão temporária e um mandado de busca em Minas Gerais (Belo Horizonte), todos expedidos pela 7ª Vara Federal de Florianópolis/SC.

A fim de assegurar o ressarcimento dos prejuízos causados aos Correios, foram determinados bloqueios de contas bancárias e o arresto de bens móveis e imóveis, incluídos carros de luxo e duas embarcações, sendo uma delas um iate avaliado em R$ 3 milhões. Com as medidas, espera-se que seja efetivado o bloqueio de R$ 40 milhões dos investigados.

Leia mais:  Operação Hórus apreende embarcação carregada com eletrônicos

A investigação, iniciada em novembro de 2018, em Santa Catarina, em razão do primeiro indício de crime encontrado, evidenciou forte atuação do grupo nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro, o qual contava com a participação ativa de funcionários dos Correios, fazendo com que grandes cargas postais de seus clientes fossem distribuídas no fluxo postal sem faturamento ou com faturamento muito inferior ao devido.

Uma das principais modalidades de fraude acontecia mediante identificação de grandes clientes dos Correios, os quais eram procurados pelos investigados com a oferta de que rompessem seus contratos com a referida empresa pública e passassem a ter suas encomendas postadas por meio de contratos mantidos entre as empresas do grupo criminoso e a EBCT.

Durante a investigação também foram apuradas solicitações e pagamentos de vantagens indevidas envolvendo empresários, funcionários públicos e agentes políticos, configurando indícios dos crimes de corrupção passiva e concussão.

Dados preliminares indicam um prejuízo ao erário no montante de R$ 13 milhões, apenas no que se refere às postagens ilícitas já identificadas, não computado o prejuízo diário que estava sendo causado pelo grupo investigado.

Leia mais:  PF prende homem que tentava embarcar com cocaína para África do Sul

Os investigados poderão ser indiciados pela prática dos crimes de corrupção passiva e ativa, concussão, estelionato, crimes tributários, lavagem de dinheiro e formação de organização criminosa.

 

[email protected]| www.pf.gov.br

 

Comentários Facebook
publicidade

Policia Federal

PF, em ação conjunta com os Correios, apreende cerca de 512 comprimidos de ecstasy

Publicado

Recife/PE – A Polícia Federal, em ação conjunta com os Correios, prendeu em flagrante na sexta-feira (17/1) três pessoas por tráfico de drogas.

A investigação dava conta de que um suspeito (ainda não identificado) havia postado na agência dos Correios do Rio de Janeiro uma encomenda com certa quantidade de material entorpecente (ecstasy), tendo como destino a Central de Distribuição dos Correios no bairro do Bongi, em Recife.

A ação teve seu desfecho quando os policiais federais identificaram um suspeito entrando na agência e retirando a encomenda. Ao sair do local, foi abordado pelos policiais, que solicitaram a abertura da caixa. Dentro dela, foram encontrados os comprimidos de ecstasy, num total 512 unidades, com peso bruto de cerca de 261 gramas da droga sintética. Também foram presos mais dois homens: um estava do lado de fora da agência e o outro, que seria o destinatário da droga.

Os suspeitos foram presos em flagrante e conduzidos para a Superintendência da Polícia Federal, no Cais do Apolo. Eles responderão pelos crimes de tráfico interestadual de entorpecentes e associação criminosa e, caso sejam condenados, poderão pegar penas que variam de 3 a 25 anos de reclusão, além de multa. Após a autuação, os presos ficarão à disposição da Justiça estadual.

Leia mais:  PF combate saques de créditos de precatórios judiciais

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Pernambuco

Contato: (81) 2137-4076
E-mail: [email protected]

Comentários Facebook
Continue lendo

Policia Federal

PF apreende carro carregado com cigarros contrabandeados

Publicado

Guaíra /PR – No domingo (19/1), mais uma apreensão foi realizada por equipes que participam da OPERAÇÃO HÓRUS, integrada pela POLÍCIA FEDERAL, COBRA/BPFRON/PMPR, COE/PMPR, TIGRE/PCPR, BOPE/PMMS, FORÇA NACIONAL e pelo EXÉRCITO BRASILEIRO, com apoio da SEOPI – Secretaria de Operações Integradas/MJSP.

Durante patrulhamento veicular de rotina na zona rural de Guaíra, policiais visualizaram movimentação suspeita em porto clandestino e resolveram realizar aproximação para melhor fiscalização. Na tentativa de abordagem, os envolvidos empreenderam fuga pela mata ciliar e abandonaram todo o material ilícito, não sendo localizados. No local foi apreendido um veículo carregado com aproximadamente 60 caixas de cigarro.

Os materiais apreendidos foram encaminhados à Delegacia da Polícia Federal de Guaíra para os procedimentos de praxe.

Comunicação Social da Polícia Federal em Guaíra/PR
Disque denúncia: (44) 3642-9131

Comentários Facebook
Leia mais:  Operação Alba Virus combate o tráfico internacional de entorpecentes
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana