Policia Federal

PF combate fraudes de empréstimo consignado no Amapá

Publicado

Macapá/AP – A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (9/10) a Operação Bonecos, para desarticular associação criminosa responsável pela prática de fraude na obtenção de empréstimos consignados indevidos junto a instituições financeiras, no Amapá.

Cerca de 60 policiais federais dão cumprimento a 14 mandados de busca e apreensão em Macapá/AP e Santana/AP.

A investigação teve início em 2016 após recebimento de denúncias de servidores públicos lesados e de notícias-crime reportando a ocorrência de empréstimos consignados fraudulentos obtidos junto à Caixa Econômica Federal (CEF).

Com decorrer das investigações, foram identificados outros servidores públicos lesados, como também outras instituições financeiras, perfazendo-se um dano de aproximadamente de R$ 1,6 milhões.

A dinâmica da fraude ocorreu com a participação de servidores públicos lotados na Superintendência de Administração do Ministério da Fazenda no Estado do Amapá (SAMF AP).

Os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de associação criminosa, estelionato majorado, uso de documento falso, falsificação de documento público, falsidade ideológica e inserção de dados falsos em sistema de informação. Se condenados, poderão cumprir pena de até 32 anos de reclusão.

A operação foi batizada de Bonecos, pois é o nome dado pelo grupo criminoso às pessoas que eram recrutadas e se passam por servidores públicos na assinatura dos contratos de empréstimos consignados nas instituições financeiras.

 

 

Comentários Facebook
publicidade

Policia Federal

PF prende marroquino e brasileira por imigração fraudulenta

Publicado

Fortaleza/CE -A Polícia Federal prendeu em flagrante nessa segunda-feira (10/2) um homem, natural de Marrocos, na África, e uma brasileira por declaração falsa durante os procedimentos de autorização de residência expedida pela PF.

Durante entrevista para obtenção de residência com base em casamento, a dupla declarou falsamente matrimônio no Brasil. Os policiais constataram que a brasileira forjou casamento com o marroquino, com o intuito de legitimar seu pedido de residência no Brasil junto à Polícia Federal, mas nunca residiram juntos e nem foram casados de fato.

Na ocasião, policiais federais deram voz de prisão em flagrante pelo crime de falsidade ideológica, com penas de reclusão de um a cinco anos e multa.

Após o flagrante, foram encaminhados à sede da Superintendência Regional da Polícia Federal, onde permanecerão à disposição da Justiça Federal.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Ceará

(85) 9.8970-0624

Comentários Facebook
Continue lendo

Policia Federal

PF prende mulheres tentando levar drogas para a Ásia e a África

Publicado

Guarulhos/SP – A Polícia Federal prendeu em ações distintas, no Aeroporto Internacional de São Paulo, nesta terça-feira (11/2), duas passageiras de voos internacionais e apreendeu mais de 7 kg de cocaína.

Policiais federais, acionados por funcionários que fiscalizam os passageiros que passam pelo controle migratório, revistaram a mala de uma mulher, nacional da Geórgia, de 30 anos, e encontraram, ocultos em um fundo falso, mais de 2 kg de cocaína. A suspeita disse que deveria entregar a mala na cidade de Tblisi, em seu país natal.

Em outra ação, uma mulher que pretendia embarcar para Addis Ababa, na Etiópia, foi detida pelos policiais federais, junto ao balcão de check-in, após os cães farejadores, conduzidos por eles, sinalizarem para algo suspeito em sua bagagem. A mala foi revistada, porém nada foi encontrado. Conduzida à sede policial, os peritos federais identificaram que uma espécie de borracha de cor preta, que dava acabamento à mala da suspeita, era composta por cocaína. O volume encontrado somou mais de 5 kg. A passageira, nacional da Bolívia, de 38 anos, recebeu voz de prisão.

As suspeitas ficarão à disposição da Justiça respondendo pelo crime de tráfico internacional de drogas.

 

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos

Contato: (11) 2445-2212

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana