Polícia MT

Polícia Civil apreende mala com 10 tabletes de maconha dentro de ônibus

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Uma mala carregada com 10 tabletes de maconha foi apreendida pela Polícia Judiciária Civil de Barra do Garças (502 km ao Leste de Cuiabá), na segunda-feira (13.01), no município de Canarana (823 km ao Leste da Capital). A ação resultou na apreensão de um adolescente, flagrado no momento em que tentava retirar a bagagem junto a empresa de ônibus.

Antes da apreensão do menor, uma jovem foi apreendida pela Polícia Militar, transportando 15 tabletes de maconha no mesmo ônibus. A adolescente foi conduzida a Central de Flagrantes, ocasião em que foi descoberto que ela trazia outra mala no ônibus com mais drogas.

Com base nas informações, os policiais civis saíram em diligências, conseguindo localizar a mala com mais 10 tabletes de maconha já na cidade de Canarana. Diante das evidências, os policiais de Barra do Garças acionaram os investigadores de Canarana que realizaram a apreensão da droga.

O menor infrator foi detido no guichê da empresa na cidade de Barra do Garças, quando tentava receber a mala com a droga. Segundo o delegado, Wilyney Santana Borges, responsável pela lavratura do ato infracional, a apreensão do adolescente foi possível graças a perspicácia dos escrivães e investigadores que trabalharam no caso, assim como a ação rápida dos policiais de Canarana.

Leia mais:  Pátios da PRF abrem nesta quinta para interessados em participar do leilão de sucatas

“O trabalho bem desenvolvido contou com a colaboração do escrivão de polícia Gilvan, que ajudou no esclarecimento dos fatos, bem como os investigadores Adão, Abel e Gleimater, que verificaram as informações, que levaram a apreensão do menor e da mala de entorpecentes”, disse o delegado.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Polícia MT

DRE recupera veículo roubado durante investigação de combate ao tráfico de drogas

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um veículo produto de roubo foi recuperado pela Polícia Judiciária Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), na noite de sábado (08.02) em Várzea Grande, poucas horas após o crime. 

O automóvel Nissan Kicks de cor branca foi levado no início da tarde de sábado (08), após o assalto ocorrido no bairro Imperador, em Várzea Grande. Na ocasião, a vítima chegava em sua residência quando foi abordada e rendida por dois indivíduos armados. Além do carro os criminosos também subtraíram vários objetos e pertences da vítima.

Durante diligências para combater o tráfico de drogas na região da Várzea Grande, os policiais civis da DRE lograram êxito em localizar o veículo parado dentro do estacionamento de um supermercado, no bairro Água Limpa. No interior da Nissan Kicks foi encontrada parte dos produtos roubados.

Após a localização, o veículo recuperado foi levado para DRE, a vítima comunicada e posteriormente restituída. 

As investigações continuam pela Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva), para identificação e prisão dos autores do crime. 

Leia mais:  PRF recebe nova estrutura em Santo Antônio do Leverger

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia MT

Ação conjunta prende suspeitos de homicídio ocorrido em zona rural de Sapezal

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homicídio com ocultação de cadáver ocorrido na zona rural do município de Sapezal (480 km a Noroeste de Cuiabá) foi esclarecido e cinco suspeitos envolvidos no crime foram presos neste sábado (08.02), em ação integrada da Polícia Judiciária Civil e Polícia Militar.

A vítima, José Geraldo Pereeira, estava desaparecida há cerca de 10 dias e o corpo foi localizado enterrado em uma região de chácaras, na área rural do município.

O trabalho em conjunto resultou também na apreensão de uma espingarda calibre 32 sem registro, e em uma arma branca usada para praticar o crime.   

Durante diligências para apurar o desaparecimento da vítima, policiais civis e militares apuraram que um grupo havia matado a vítima, que teve a cabeça separada do tronco. Os suspeitos ainda roubaram uma motocicleta da vítima.

Com base nas informações, os policiais seguiram até a Gleba São Jorge, a quase 150 quilômetros da  cidade de Sapezal, onde conseguiram levantar o ponto exato onde partes do corpo da vítima foram ocultado, sendo dois locais diferentes da região.

Leia mais:  Polícia Civil prende padrasto condenado por estupro de vulnerável

Os suspeitos foram levados para a Delegacia de Polícia de Sapezal, interrogados e autuados em flagrante delito. Os conduzidos irão responder pelos crimes de homicídio qualificado, ocultação de cadáver, associação criminosa e posse ilegal de arma de fogo.

As investigações continuam para total esclarecimento do crime, como a motivação.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana