Educação

Portaria detalha modalidades, valores e auxílios para bolsas da Capes

Publicado

Foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (7) a portaria do Ministério da Educação e da Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) que estabelece as modalidades de bolsas de estudos no exterior e no Brasil, fomentadas no âmbito da Diretoria de Relações Internacionais da Capes.

Além de estabelecer quais são as modalidades de bolsas, a Portaria nº 1 de 2020 determina os valores dos benefícios que poderão integrar cada uma das modalidades de bolsas, tanto no exterior como no Brasil, para professores convidados, visitantes; para capacitação e desenvolvimento tecnológico; para graduações, doutorados, pós doutorados, assistentes, mestrado pleno e de sanduíche (mestrado e doutorado juntos), entre outros.

A portaria descreve também as situações em que serão pagos auxílios aos bolsistas. Entre os quais os de deslocamento e de instalação; o seguro saúde; e adicionais, como os pagos por dependentes, e os pagos em função da localidade – destinado a bolsistas que estudarão em instituições situadas nas cidades consideradas “de alto custo”.

Leia mais:  MEC capacita profissionais para implementar escolas cívico-militares

As tabelas contendo os valores de cada modalidade de bolsa, bem como dos auxílios podem ser acessadas por meio do link http://www.in.gov.br/en/web/dou/-/portaria-n-1-de-3-de-janeiro-de-2020-236759939.

Edição: Fernando Fraga

Comentários Facebook
publicidade

Educação

Sisu registra 2,5 milhões de inscrições

Publicado

Mais de 2,5 milhões de inscrições foram realizadas no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) até as 20h20 desta quarta-feira. Segundo o Ministério da Educação, o número de inscritos chegou a 1,31 milhão de estudantes. 

“O sistema está rodando normalmente. Não teve interrupção. Está tudo funcionando”, disse o ministro da Educação, Abraham Weintraub, em vídeo publicado em rede social.

A pasta ressalta que entre meia-noite e 1 h desta quinta-feira (23), o Sisu será interrompido para que seja realizada a classificação de todas as inscrições. O período para inscrições no Sisu fica aberto até as 23h59 do dia 26. O Sisu é a principal forma de acesso ao ensino superior público com a nota do Ensino Nacional do Ensino Médio (Enem), divulgada na semana passada.

Nesta tarde, a pasta informou que cerca de 70% das inscrições do Sisu têm sido feitas por dispositivos móveis, como celulares e tablets. No início das inscrições, o sistema chegou a registrar 7 mil inscrições por minuto e apresentou lentidão. Segundo o MEC, a dificuldade em acessar a página eletrônica foi registrada após mudança do sistema, que nessa edição está armazenado em nuvem. 

Leia mais:  Fies exigirá 400 pontos na redação do Exame Nacional do Ensino Médio

Para participar da seleção, é necessário não ter zerado a redação na edição de 2019 do exame. Neste semestre, são 237.128 vagas em 128 instituições de ensino superior públicas de todo o país. A inscrição é gratuita e deve ser feita na página do programa na internet.

Edição: Fábio Massalli
Tags: Enem Sisu MEC

Comentários Facebook
Continue lendo

Educação

MEC comprará mais de 7 mil bicicletas para uso de estudantes

Publicado

O Ministério da Educação (MEC) e o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) iniciaram o processo de compra de 7.636 bicicletas, por meio do programa Caminho da Escola. Segundo o MEC, as últimas aquisições ocorreram em 2011.

As bicicletas serão usadas por estudantes, que chegam a percorrer, a pé, diariamente, 15 quilômetros para chegar à escola ou ao ponto onde passa o ônibus escolar, segundo estudos do FNDE.

“Com os veículos, o MEC tem objetivo de diminuir a evasão escolar e melhorar a qualidade do transporte escolar, principalmente em áreas rurais e ribeirinhas”, diz nota do ministério.

A bicicleta estará disponível em dois tamanhos, o aro 20 e o aro 26, e vão ter quadro reforçado, selim anatômico, para-lamas, descanso lateral, espelho retrovisor, campainha e refletores. Serão ofertados também bombas manuais para encher o pneu, ferramentas e capacetes de segurança.

O programa Caminhos da Escola desde 2010 busca renovar a frota de veículos escolares no Brasil e garantir segurança e qualidade ao transporte dos estudantes.

Os estados, Distrito Federal e municípios interessados em adquirir as bicicletas devem acessar o Sistema de Gerenciamento de Atas de Registros de Preço (Sigarp) do FNDE e utilizar as atas do Fundo com recursos próprios ou fazer transferência direta, via Plano de Ações Articuladas (PAR).

Edição: Fernando Fraga

Comentários Facebook
Leia mais:  Estudantes podem se inscrever no Sisu a partir desta terça-feira
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana