Peixoto de Azevedo

Prefeito e vice de Peixoto de Azevedo são cassados por abuso de poder econômico e caixa dois

Publicado

A Justiça Eleitoral cassou os mandatos do prefeito reeleito de Peixoto de Azevedo, Mauricio Ferreira de Souza (PSDB), e do vice, Gilmar do Esporte, por abuso de poder econômico e caixa dois. A decisão desta segunda-feira (26) é do juiz eleitoral Evandro Juarez Rodrigues.

Em nota, Mauricio e Gilmar informam que ainda não foram intimados. No entanto, o advogado deles disse que o juiz responsável pela decisão deixou de observar a todos os pontos da defesa, que apontam a ação como improcedente.

“Adotaremos as medidas judiciais cabíveis para reforma da sentença. Esclarecemos à população que continuaremos a frente do Poder Executivo cumprindo as funções constitucionais e legais, e, acima de tudo, fazendo com que o município continue trilhando o caminho do progresso”, dizem.

Mauricio é o quinto prefeito eleito em 2020 que foi cassado em Mato Grosso. Além dele, foram cassados os prefeitos de Acorizal, Campo Novo do Parecis, Torixoréu e Matupá.

O juiz afirma na sentença que, por determinação do então candidato Gilmar, uma funcionária, que ganharia R$ 14,5 mil, contratou 42 pessoas para trabalharem como cabo eleitoral na campanha e receber R$ 300 cada e uma pessoa para receber R$ 480.

Em contrapartida, a defesa argumenta que os candidatos não contrataram a mulher responsável pelos cabos eleitorais e que, por isso, não tinham conhecimento dos fatos.

Apesar disso, o magistrado afirma que os documentos apresentados pela defesa não foram suficientes para comprovar a não participação, já que a suposta funcionária apresentou conversas por aplicativos com o então candidato.

“O que há nos autos é um conflito entre as provas documentais juntadas com a petição inicial e as provas testemunhais, especificamente no que concerne à utilização de cabos eleitorais na campanha eleitoral dos representados sem a devida contabilização dos gastos em sua campanha eleitoral, prática conhecida como caixa 2”, explica.

Segundo o juiz, a maioria das provas contidas nos autos estão relacionadas ao vice-prefeito Gilmar. No entanto, por fazer parte da chapa majoritária, o prefeito Mauricio também deverá responder pelos crimes.

“É grave a conduta de quem se afasta da regulamentação estabelecida para o financiamento de campanha, seja percebendo contribuição de fonte vedada, seja lançando mão de recursos oriundos de fontes não declaradas, de caixa dois, seja, enfim, extrapolando os limites de gastos adrede fixados”, cita o juiz.

Fonte: G1MT

Comentários Facebook
publicidade

Peixoto de Azevedo

Policia prende no Pará casal que assaltou casa de Delegada em Peixoto de Azevedo

Publicado

Por volta das 18h:00 a guarnição de serviço de Castelo de Sonhos recebeu em sua unidade Policiais do estado do Mato Grosso sendo eles: 01 agente de Inteligência da PM/MT e 02 Investigadores da PJC/MT,  relatando que estariam em busca de um indivíduo que teria, no dia 06/07/2021, roubado a residência de uma delegada da PJC/MT em  Peixoto de Azevedo, de onde tinham levando um carregador de pistola, muita munição, joias e outros objetos; em ato contínuo com as informações repassadas a GUPM do Pará  e os policiais de Mato Grosso conseguiram obter êxito na captura do acusado (23 anos), juntamente com ele sua companheira (21 anos). O mesmo confessou o ato praticado e deu informações precisas para que uma equipe da polícia civil e militar de Mato Grosso, realizassem buscas, logo após a prisão do criminoso no Pará, para recuperar os materiais que estariam escondidos em um matagal em Peixoto de Azevedo.

 

Contra o acusado preso no Pará consta um mandado de prisão em aberto. O casal foi apresentado na DEPOL de Castelo de Sonhos para os demais procedimentos cabíveis.

 

Já as diligências realizadas em Peixoto de Azevedo foram coroadas com êxito, pois, durante as buscas realizadas em uma área de pastagem, indicada pelo indivíduo preso no Pará, fora localizados alguns dos bens roubados, sendo os carregadores da pistola, farta munição de diversos calibres e algumas joias.

 

As diligências Integradas das Forças de Segurança Pública continuam no Nortão na busca da prisão de um segundo assaltante já identificado e outras incursões para encerrar o caso e responsabilizar todos os envolvidos.

 

MATERIAL RECUPERADO:

– 46 Munições Cal.40 intactas

– 07 Munições Cal.12 intactas

– 05 Munições Cal.20 intactas

– 01 Munição Cal.20 deflagrada

– 01 Munição Cal.45 intacta

– 01 Munição Cal.38 intacta

– 02 Munições Cal.380 intactas

– 01 Munição Cal.32 deflagrada

– 01 Carregador de Pistola Cal.40

– 03 Pares de brinco

– 01 Par de Grampo

– 02 Bolsas pequenas

 

Fonte: Assessoria – PM – MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Peixoto de Azevedo

DNIT inicia obras de recuperação de ponte sobre o rio Peixoto

Publicado

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) iniciou as obras de recuperação da ponte sobre o rio Peixoto de Azevedo, na região Norte de Mato Grosso. A estrutura está localizada no km 1.031 da BR-163/MT, no limite entre os municípios de Peixoto e Matupá. As equipes da Autarquia começaram os serviços preliminares envolvendo a parte de fundação do empreendimento e, nesse momento, o trânsito flui normalmente no local.

As obras consistem na restauração completa da ponte, além do reforço estrutural, do pavimento, do guarda corpo e da iluminação. O empreendimento está orçado em R$ 2,5 milhões e deve ser finalizado até o fim do ano.

Os serviços são necessários para melhorar a estrutura da ponte que recebe um tráfego intenso de veículos pesados. Por este trecho da BR-163/MT passam mais de 2.000 caminhões por dia que seguem rumo aos portos do Arco Norte, no estado do Pará.

A BR-163/MT é a principal rodovia federal de Mato Grosso porque interliga o estado de norte a sul, dando vazão ao escoamento da produção. Além de absorver o trânsito urbano entre as duas cidades, a ponte faz parte de uma rota de escoamento dos grãos do agronegócio que são exportados para o mercado internacional.

Fonte: Assessoria DNIT – Foto: Divulgação

Comentários Facebook
Continue lendo

Mais Lidas da Semana