Nacional

Wilson Witzel plagiou trechos de dissertação de mestrado, diz site

Publicado

Wilson Witzel arrow-options
Roberto Casimiro / Agência O Globo

Wilson Witzel apresentou sua dissertação de mestrado em 2010

A dissertação de mestrado em Direito Processual Civil do governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, tem mais de 60 parágrafos copiados de outros autores, segundo investigação da BBC News Brasil . De acordo com o site, há no trabalho de Witzel até mesmo um artigo e um capítulo copiados na íntegra.

Leia também: Governador de Minas Gerais homenageia a si mesmo

O ex-juiz Wilson Witzel defendeu sua dissertação em 2010 na Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). O trabalho “Medida Cautelar Fiscal” trata da cobrança de dívidas fiscais por via judicial. Nele, de acordo com a apuração da BBC , 63 parágrafos são copiados de seis autores. 

Entre estes autores, cinco sequer são citados na bibliografia da dissertação. O único cujo nome aparece nas referências, é citado por outro texto, não o utilizado por Witzel. Somados, os trechos copiados equivalem a 19 das 118 páginas do miolo. Isto representa 16% do trabalho.

Leia mais:  Bandidos invadem e roubam Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro

Leia também: Deputados protocolam pedido de CPI para investigar Sergio Moro

À BBC , a assessoria de Wilson Witzel afirmou que “como toda obra acadêmica, a tese de Witzel se utiliza de citações de diferentes autores e fontes que compõem a abordagem teórica sobre o tema”. Os trechos em questão, no entanto, não citam as fontes.

Em nota, a UFES informou que investigará o caso.

Comentários Facebook
publicidade

Nacional

SUS recebe 1.424 novos leitos de UTI em todo o Brasil

Publicado

source

Agência Brasil

LEITO MACA CAMA HOSPITAL SUS arrow-options
Reprodução / Unsplash

Leitos serão distribuídos pelo Sistema Único de Saúde de todo o Brasil.

O Ministério da Saúde ampliou em 39% o número de leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI), em relação a 2018, nos hospitais do Sistema Único de Saúde ( SUS ). A medida acrescentou 1.424 leitos para viabilizar o atendimento de casos mais graves de crianças e adultos em todo país.

Leia mais: Feminismo quer “tirar direito da mulher de ser assediada”, diz deputado do PSL

Segundo a pasta, a ação foi responsável por zerar todos os pedidos de habilitação de leitos solicitados pelos estados em 2019, com investimentos de R$ 185,6 milhões. Atualmente, o SUS conta com 23 mil leitos de UTI Adulto e Pediátrico em todas as regiões do país.

Dos 1.424 novos leitos, 729 são destinados a pacientes adultos, sendo 687 leitos de UTI e 42 em unidades coronarianas; e 695 voltados para o atendimento de crianças. Esse total está dividido em 142 novos leitos pediátricos, 159 neonatal, 287 em Unidade de Cuidados Intermediários Convencionais (UCINCo) e 107 em Unidade de Cuidados Intermediários Canguru (UCINCa).

Leia mais:  Atuação de policiais em Paraisópolis será alvo de apuração, diz comando da PM

Leia também: Bolsonaro desembarca em Brasília após quatro dias no Guarujá

No Centro-Oeste, foram habilitados 99 leitos, sendo 56 do tipo adulto, 30 pediátrico, sete neonatal e seis unidades coronarianas. No Nordeste foram 297 leitos, das quais 221 adulto, 34 do tipo pediátrico, 20 neonatal, 10 unidades coronarianas, 47 em UCINCo e 32 em UCINCa. Já para o Norte, a pasta habilitou 190 leitos, sendo 105 do tipo adulto, 35 pediátrico, 24 neonatal, um em unidade coronariana e 20 UCINCo.

Na Região Sudeste foram 300 leitos de UTI, dos quais 184 são leitos adultos, 13 pediátricos, 78 neonatal, 25 coronarianos, 203 UCINCo e 67 UCINCa. Na região Sul foram habilitados 144 UTIs, sendo 121 do tipo adulto, 10 do tipo pediátrico, 13 neonatal, 17 UCINCo e oito UCINCa.

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Crivella vai proibir desfile de dois megablocos no mesmo dia no Rio

Publicado

source
Prefeito do Rio, Marcelo Crivella arrow-options
Tânia Rêgo/Agência Brasil

Prefeito do Rio, Marcelo Crivella

Após a confusão de domingo no Baile da Favorita , em Copacabana, o prefeito Marcelo Crivella decidiu proibir que dois megablocos desfilem ao mesmo dia na Zona Sul. O objetivo é evitar alta concentração de pessoas nas ruas da região. Prefeito atendeu a um pleito de representantes de associações de moradores.

Leia mais: Bolsonaro desembarca em Brasília após quatro dias no Guarujá

“Se a Banda de Ipanema e o Suvaco de Cristo desfilarem no mesmo dia, um dos dois será transferido para o Centro. Ou então um dos dois terá que mudar de data. Mesmo que não sejam no mesmo horário. Porque muitas vezes as pessoas emendam um bloco que aconteceu de manhã em outro que começa à tarde. Ao longo da semana, teremos mais reuniões para definir os critérios e a situação de cada um desses megablocos”, explicou um auxiliar de Crivella que participou da reunião.

Leia também: Feminismo quer “tirar direito da mulher de ser assediada”, diz deputado do PSL

Leia mais:  Supostos traficantes apontam fuzil para blindado da PM em Madureira; assista

De acordo com duas pessoas que participaram do encontro entre o prefeito e representantes de associações de moradores, Crivella chegou a ceder a pedidos para mudar o desfile do bloco Banda de Ipanema, que desfila em Ipanema, para o Centro, mas depois mudou de ideia.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Polícia MT

Mato Grosso

Política MT

Política Nacional

Economia

Mais Lidas da Semana